Pular para o conteúdo

Largou a Velux 5 Oceans 2010/11

Ontem foi dia de festa em La Rochelle. Começou mais um desafio solitário ao redor do mundo.

Começou! Largou ontem, em La Rochelle, na França mais uma Velux 5 Oceans. Para quem não lembra, a regata de volta ao mundo em solitário, com escalas, que nasceu com o nome de BOC Challenge, virou AroundAlone (um nome perfeito!) e depois ganhou esta alcunha que ora vige.

E nas águas de França, ponto inicial e final da peleja global que vai parar também na Cidade do Cabo, Wellington, Salvador e Charleston, apenas 5 skippers e seus Eco 60 (na verdade Opens 60 fabricados antes de 2003 e com uma regra de apelo eco-marqueteiro) estavam na linha de partida.

Uma respeitável flotilha de espectadores, como é comum na sempre vela-intensiva França, incluindo alguns veteranos da regata como Isabelle Autissier, Jean Luc Van Den Heede, Thierry Dubois e Bernard Stamm, além do organizador Robin Knox-Johnston, acompanhou os 5 heróis da vez no rumo do Atlântico.

A edição 2010/11 da prova, a oitava de sua história de 28 anos, começou quente, com o polonês Zbigniew “Gutek” Gutkowski mostrando estilo agressivo no tiro de partida e montando a primeira boia na ponta apesar de ter o barco mais velho da flotilha. O americano Brad Van Liew cruzou a linha em segundo e perseguiu duramente o polaco, ultrapassando Gutek após a primeira marca.

Brad já completou a Velux 5 Oceans duas vezes, tendo vencido a classe 2 da regata em 2002. Seu barco, o Le Pingouin tem pedigree. Foi construído pela lendária Catherine Chabaud para a edição de 1998 da Vendée Globe.

O canadense Derek Hatfield e o britânico Chris Stanmore-Major completam a frota. O quinto elemento da aventura, o belga Christophe Bullens terá que fazer uma passagem de qualificação de 48 horas antes de retornar a La Rochelle para realizar os preparativos finais para a regata. Ele já estava qualificado no seu Five Oceans of Smiles que perdeu o mastro a caminho França e teve que comprar outro barco. Com sorte (e dinheiro!) ele adquiriu o Artech 60, agora renomeado também como Cinco Oceanos de Sorrisos.

A regata, infelizmente, não atrai mais os grandes nomes da vela oceânica solitária e se posicionou como uma espécie de “prova de amadores” que desejam realizar o sonho da circunavegação. De todo modo, a aventura é sempre bacana e vale a pena acompanhar os intrépidos comandantes.

No momento deste boletim, Brad Van Liew estava na frente com 16 milhas de vantagem sobre o polonês e a 6322 milhas da Cidade do Cabo. E a saga continua…

Fui!!

13 Comentários Comente
  1. Cesar Eugênio Dias #

    Prova de amadores, é Don Murilone? Tem que ser carudo, isso sim! Aquele abraço, Mestre…

    18/10/2010
  2. Lelia winckler #

    Muito boa essa tua abordagem do espirito da regata!
    Parabéns Murilo
    Lelia

    18/10/2010
  3. Muito boa esta .
    Ai está, de fato, a melhor oportunidade de fazera sua 1a. Circunavegação eme solitario . Tem boa cobertura .
    Espero um dia, poder tentar .
    Abs. Pedro Rache

    18/10/2010
  4. luiz gonzaga de moura #

    muito obrigado, Murilo, por me manter permanentemente bem informado sobre a vela, paixão de todos nós.
    Gonzaga (Marechal)

    18/10/2010
  5. edison pio #

    e lá vamos nós, mano velho
    Braxxx do Pio (Knoa)

    18/10/2010
  6. Michael Dandanell #

    Murillo,

    Em teoria a classe ECO 60 é uma classe economica.
    Qual o custo total para participar da Velux 5 Oceans?

    Abs,

    Michael

    18/10/2010
    • murillonovaes #

      Só o barco, em torno de 300 mil Euros, como tem 4 paradas, equipe de terra, etc. pode contar aí que chega perto de 1 milhão de Euros… Abço, Murillo

      18/10/2010
  7. Fabio collichio #

    Também gostei da forma Murillão,os detalhes é que nos dão mais vontade de acompanhar a regata. Será que eu posso ir de ‘ECO’,abraço.

    18/10/2010
  8. Roberto Rodrigues #

    Grande Murillo
    Queria eu ser um “amador” desses e enfrentar tudo o que eles irão passar, nessas águas e ventos não mais tão seguros como antigamente, porque o tempo mudou e para pior.
    Tá certo que a tecnologia e os barcos hoje é muito, mas muito mais avançada que a 28 anos atrás, mas não deixa de ser uma “atmosfera” de glamour em todos os lugares que irão parar.
    Imagina o que não passa pela cabeça desse pessoal, sozinho por um tempão em tudo que é tipo de mar.
    Como disse o nosso amigo acima (Cesar Eugênio Dias), tem é que ser muito “carudo”.
    Nos mantenha sempre informado com suas narrativas e “vamo-que-vamo”.
    Forte abraço

    18/10/2010
    • murillonovaes #

      Oi Roberto (e Cesinha), Digo amadores no sentido de que nenhum deles jamais viveu de Vela ou correu qq circuito profissional do nosso esporte. Lógico que o camarada tem que ser muito ‘profissa’ para aguentar o tranco. Inclusive, meu sonhe é fazer uma destas um dia! Abços, Murillo

      18/10/2010
  9. Oi Murillo, gostei do artigo e das informacoes, sabe que fiz os consertos de vela pra North Sails na parada da Boc do Rio de Janeiro em 87. Consertei as velas de 90% dos barcos, foi interessantissimo e naquela parada decidiram fazer a proxima edicao da Boc sendo Non Stop… show the barcos, show the velejadores … na epoca Phillip Jeanot, Tituan Lamazou, Jean Eves Terlain e mtos outros… os barcos top de 60 pes com design futurista na epoca e varios menores outros ate barcos da Whitbread adaptados pra solitario, um que depois foi utilizado pela Tracy Edwards pra equipe feminina…. ate esqueci o nome do barco …faz tempo! tenho um album de fotos em papel com fotos detalhadas dos barcos por dentro e por fora que vai pro meu livro um dia destes.

    19/10/2010
  10. reginaldo #

    estou acompanhando de novo essa regata
    coisa que faço desde que o BERNARD STAMM
    GANHOU O PRIM LUGAR

    14/01/2011

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: