Pular para o conteúdo

Arquivo de

San Chico confirma a participação na Santos-Rio e no Circuito Rio

O Tripp 33 San Chico 2, é um dos veleiros confirmados para a disputa da Santos-Rio e do Circuito Rio. O barco gaúcho terá duas equipes: uma menor para a regata longa, que larga nesta sexta-feira, 21, e uma maior, com todos os tripulantes titulares, para o circuito.  

A Santos-Rio será disputada por barcos maiores de 32 pés. Os menores participam da Angra-Rio, que larga no dia 22. Um dia antes de cada evento acontecerá uma confraternização para os velejadores.

Criançada aprende arte da vela na Academia da Volvo Ocean Race em Alicante

Itajaí também irá receber clínica e regatas de Optimist durante a Parada em abril de 2012

Crianças de até 14 anos da cidade de Alicante, na Espanha, disputaram neste final de semana as regatas de Optimist, parte do cronograma da Volvo Ocean Race Youth Academy. A atividade, que estará presente em todas as paradas da regata, inclusive em Itajaí, tem o objetivo de aproximar a nova geração da vela de oceano.

O CEO da Volvo Ocean Race, Knut Frostad, acompanhou as atividades na cidade espanhola com as crianças entre seis e 14 anos. Durante todo o processo, a garotada ouviu atentamente os conselhos do representante da VOR e as explicações sobre a Volta ao Mundo, que terá 39.000 milhas náuticas.

Knut Frostad levou os jovens para uma visita guiada à sala de controle da regata em Alicante. “Quando questionei se as crianças queriam competir na Volvo Ocean Race um dia, todas rapidamente levantaram as mãos em sinal de positivo”, disse.

Os vendedores da primeira edição da ‘escola de vela’ foram os representantes do Club Alicante Costa Blanca, apadrinhados pelo Team Telefónica.

“Foi difícil, mas nós trabalhamos como um time. Sem isso, nós nunca teríamos conquistado esse resultado”, comentou a jovem Irene Miras, de 14 anos, que contou com a ajuda dos companheiros Gonzalo Gallego, Daniel Leutscher, Nuria Sobrino e Mario Sánchez Bellot para vencer a regata.

A competição foi bastante disputada e saudável, tendo o Real Club Náutico Torrevieja (Abu Dhabi Ocean Racing) em segundo, Real Club Náutico de Calpe (Groupama Sailing Team), em terceiro, e Real Club Náutico de Valencia (Team Sanya), finalizando na quarta posição.

“Torrevieja foi um grande adversário nas baterias, o entrosamento deles nos deixou um pouco nervosos. Mas nós fizemos um bom trabalho, graças ao nosso técnico”, comentou Daniel Leutscher, 13 anos, representante do Costa Blanca.

Um total de 40 velejadores de Optimist serão formados em cada clínica local, e posteriormente, os vencedores participarão de uma grande final, realizada na cidade de Galway, na Irlanda, antes do término da VOR.

Cronograma da Volvo Ocean Race Academy em Itajaí (2012):
RS:X Windsurfing -11 e 12 de abril
Clínica de vela – 13 de abril
Regata- 14 e 15 de abril

Da ZDL de Comunicação

Brasil estreia no Pan em 1o e 2o em oito das nove classes

O Brasil terminou o primeiro dia de competições de vela dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara na primeira posição em três das nove classes em disputa em Puerto Vallarta: Snipe, Sunfish e Lightinig. Na J/24 a equipe de Santinha está em segundo, assim como Bimba e Patrícia Freitas, na RS:X. Bernardo Arndt e Bruno Oliveira, na Hobie cat 16, e Bruno Fontes, na Laser, estão empatados com o primeiro colocado. Adriana Kostiw, na Laser Radial, está em 4º.

“As condições da raia estavam muito difíceis e para o primeiro dia os resultados foram muito bons. Na primeira regata, os barcos ficaram muito próximos e acabamos perdendo o segundo lugar muito perto da chegada. Na segunda regata houve um vento mais forte, que separa mais a flotilha, mas também resultou em muitas ondas, principalmente no segundo contravento, e conseguimos um resultado melhor”, comentou Cláudio, que garante não ter sentido alguma emoção diferente por ser um dos recordistas brasileiros de participações em Jogos Pan-americanos. “Nem penso nisso. O importante é estar aqui e ter participado de oito Pans. E o objetivo é buscar uma medalha”, afirmou.

Alexandre “Amiguinho” Tinoco concorda com Klaus. “A primeira regata foi muito difícil, com o vento rondando muito, e tínhamos preparado o barco para uma condição de vento mais fraco do que encontramos. Eu também errei taticamente, mas conseguimos superar isso na segunda regata, que teve uma condição mais próxima da que encaramos no Mundial onde vencemos, na Dinamarca”.

Para Santinha o problema foi a largada “O vento estava bom, o barco está rápido, mas largamos muito mal, muito mal mesmo, nas duas regatas. A nossa tática foi boa, tanto que chegamos bem. Na regata em que terminamos em segundo, chegamos a estar em sexto e nos recuperamos. Para o primeiro dia, achei o saldo bastante satisfatório, porque não fomos lentos. Isso nos dá tranquilidade para buscar melhorar a nossa largada e tentar diminuir a diferença para os americanos nas próximas regatas”.

Com informações do COB

Primeira etapa do DF de Snipe reúne 20 barcos

Neste final de semana o lago Paranoá foi a sede do Campeonato DF de Snipe. No total 20 barcos participaram da competição. O vento norte, variando entre 12 e 15 nós no sábado, exigiu algum esforço físico dos velejadores mais velhos, que comemoraram a chuva e o vento fraco no domingo. No final, os líderes da etapa são Ricardo Paranhos e Felipe Areias, seguidos por Cezar Castro e Bruno Ferreira, sem segundo, e Marcelo Katalinic Dutra Fabio Pereira, em terceiro.  A segunda etapa acontece nos dias 19 e 20 de novembro.

Clube dos Jangadeiros promove o 21º Troféu Cayru de Vela de Oceano

Competição acontece nos dias 22 e 23 de outubro

Cerca de 50 barcos e mais de 200 velejadores devem preencher as águas do Guaíba nos dias 22 e 23 de outubro. É o 21º Troféu Cayru de Vela de Oceano que vem aí e promete agitar a vela no estado. Competidores do Clube dos Jangadeiros, do Veleiros do Sul, do Sava Clube e do Iate Clube Guaíba estarão presentes neste que é um dos campeonatos mais importantes da vela gaúcha.

Criada em 1991 para homenagear Leopoldo Geyer e o seu barco Cayru, a competição é organizada pelo Clube dos Jangadeiros e tem o apoio da Federação de Vela do Rio Grande do Sul. Este ano, o Troféu Cayru de Vela de Oceano será disputado em cinco classes: BRA-RGS, J-24, Microtoner, Velejaço e Regata em Solitário.

As provas começam no sábado (22), às 14h, iniciando com a Regata Volta da Ilha das Pombas (longa). No domingo (23), acontece o tradicional Velejaço da Bienal do Mercosul, com largada às 13h. As inscrições podem ser feitas em qualquer clube filiado à Federação Gaúcha de Vela, mediante pagamento de R$ 20 por tripulante, até às 12h do dia 22 de outubro. Para o Velejaço, o prazo é até às 11h do dia 23. Mais informações pelo telefone (51) 3268-0080 ou pelo e-mail esportiva@jangadeiros.com.br.

Vídeo: Team Sanya e Camper treinam para a Volvo 2011-12

%d blogueiros gostam disto: