Pular para o conteúdo

Arquivo de

Telefónica reassume a liderança da Volvo Ocean Race na costa brasileira

A perna de Alicante (Espanha) até a Cidade do Cabo (África do Sul) já tem um novo líder. O Telefónica aproveitou melhor os ventos do Atlântico Sul nesta sexta-feira (18) e retomou a ponta que era do Puma. O duelo equilibrado entre os dois veleiros é o destaque deste trecho de 6.500 milhas náuticas, já que Camper e Groupama perderam contato com os primeiros.

Os norte-americanos do Puma e os espanhóis do Telefónica fazem uma espécie de ‘match race’ nas águas brasileiras. “Espero que a gente consiga abrir vantagem antes de seguir em direção ao leste para a Cidade do Cabo. A briga é grande com o Puma desde a saída na Espanha”, revelou o brasileiro Joca Signorini, chefe de turno do Telefónica.

A passagem pela costa brasileira e principalmente pelo “portão” de Fernando de Noronha foi bastante comemorada pelo tripulante Joca Signorini.”É uma especial passar pelo arquipélago, ponto obrigatório neste trecho. Agora nosso time cruza toda a costa nacional e é sempre bom ficar perto de casa”, disse.

Artemis passa para as semis da ACWS após eliminar um quase imbatível Aleph

A quinta-feira era para ter sido o dia do Aleph na terceira etapa da America´s Cup World Series que acontece em San Diego, nos EUA, se não fosse por um detalhe: o Artemis. Os franceses venceram o China Team, depois do Team Korea e em seguida o Oracle Racing Coutts, mas acabaram eliminados pelos suecos do comandante Terry Hutchinson. A regata, que chegou a ser anulada por problemas técnicos que fizeram desaparecer as marcas virtuais da raia, quando os franceses venciam , só foi decidida na linha de chegada depois de uma intensa troca de posições.

Nesta sexta-feira acontecem as duas semi-finais, em uma melhor de três para ver quem passa para as finais. Os confrontos serão Oracle Racing Spithill X Emirates Team New Zealand e Artemis Racing X Energy Team.  É possível assistir a tudo online, ao vivo, no canal da regata no Youtube.

Americanos reassumem a liderança do Mundial de J/24

Os americanos do 11th Hour Racing reassumiram a liderança do Mundial de J/24 que está acontecendo em Buenos Aires, Argentina. Até o momento foram realizadas sete regatas. O segundo colocado é o peruano Guerrero, de Luis Olcesse, seguido pelo Luca Vive, do argentino Alejo Rigoni. O Iuca, de Ronald Ruschel, é o melhor brasileiro, na 30ª colocação. Nelson Ilha, do Diferencial Sailing Team é o 39º, Henrique Ilha, do Mataco, é o 50º e o Vento Negro, de José Ortega é o 58º.

Oracle Racing Spithill e Energy Team fazem a final da ACWS neste sábado

Na primeira regata entre ETNZ e Oracle Racing a equipe de Dean Barker não conseguiu segurar o barco na largada e acabou cruzando a linha um segundo antes do tiro e foi penalizado. O ETNZ chegou a estar na frente, mas na troca de bordos, porém, os americanos reassumiram a ponta e marcaram o primeiro ponto. Tudo isso assistido de pertinho por Lary Elisson, dono da Oracle, que esteve como convidado a bordo do barco americano.

Na segunda disputa do dia, Terry Hutchinson, do Artemis Racing largou dois segundos na frente do Energy Team, porém os franceses assumiram a ponta no primeiro jibe da primeira perna de popa e garantiram a primeira vitória.

Na terceira regata o ETNZ conseguiu acelerar primeiro e largar um pouco na frente. Barker optou por uma regata mais conservativa e conseguiu abrir uma boa vantagem já na segunda boia. Na metade da terceira perna cada um optou por seguir para um lado da raia, e Spithill conseguiu passar Barker e garantir a vaga na final.

Na última regata do dia o Artemis largou um pouco na frente, montando a primeira boia na primeira posição. Novamente os franceses aceleraram mais e passaram suecos na primeira perna para garantir a vaga na final.

A competição segue neste sábado com as regatas entre Oracle Racing e Energy Team, que podem ser vistas ao vivo no Youtube.

%d blogueiros gostam disto: