Pular para o conteúdo

Arquivo de

Vídeo: Explicação sobre o adiamento da largada da VOR na China

Organização divide a quarta etapa da VOR em duas por conta do mau tempo

A organização da Volvo Ocean Race optou, de uma forma inédita, adiar a largada da quarta etapa da competição por conta do mau tempo na região de Sanya,na China. A previsão indicava ventos de 40 nós e ondas de até oito metros de altura neste domingo. A solução foi, então, fazer uma espécie de regata in port e com este resultado foi formada a ordem de largada rumo à Nova Zelândia, prevista para esta segunda-feira.

O primeiro barco a completar o percurso de 40 milhas na baía de Sanya foi o Telefónica, líder da regata. Em segundo lugar veio o Groupama, seguido por Abu Dhabi, Sanya, Camper e Puma. E a equipe americana foi quem surpreendeu. Depois de abrirem a liderança em mais de uma milha a equipe de Ken Read entrou em uma zona sem vento e acabou a regata na última colocação, quase 40 minutos atrás dos espanhóis.

 

%d blogueiros gostam disto: