Pular para o conteúdo

Arquivo de

Robert e Bruno vencem o Princesa Sofia. Bruno Fontes fica em 10º e se define o 470 feminino


A dupla Fernanda Oliveira e Ana Barbachan comemora a suada classificação olímpica.

Dupla brasileira está invicta na temporada e é a favorita ao ouro olímpico. Bruno Fontes encerrou campeonato em 10º lugar na Laser e Brasil conheceu suas representantes na 470

São Paulo (SP) – O mundo da vela olímpica, mais uma vez, viu Robert Scheidt e Bruno Prada no lugar mais alto do pódio. A dupla líder do ranking da classe Star e invicta desde maio de 2011 (11 títulos seguidos) faturou o Troféu Princesa Sofía Mapfre, em Palma de Maiorca, na Espanha. O título veio na última regata, a chamada medal race, com peso dobrado. O quarto lugar neste sábado (7) foi suficiente para ficar com a medalha de ouro, superando os britânicos Iain Percy e Andrew Simpson, atuais campeões olímpicos.

“Os ingleses serão os nossos principais adversários em Weymouth, pois velejam em casa. Ganhar deles é sempre bom, impõe moral”, relata Bruno Prada. “A regata final foi muito emocionante, com sete barcos podendo ganhar o campeonato. Os ventos fortes ajudaram, mas não fomos muito bem tecnicamente. No entanto, o resultado apareceu e saímos com o ouro”.

A conquista no evento espanhol é ainda mais significativa, já que a dupla testou um novo barco e regulagens de vela durante o campeonato. O italiano Follia foi o escolhido, e, como todo equipamento no início, os primeiros resultados não foram bons (14º e 10º). Mais adpatados e regulares, os velejadores só precisavam vencer uma regata das 11 corridas para faturar o ouro.

“O barco não esteve muito veloz, assim como durante toda a semana, mas foi o suficiente para ganharmos. Estamos bastante felizes e esta vitória serve como motivação”, explica Robert Scheidt. O próximo desafio da dupla e de parte da Equipe Brasileira de Vela será a Semana de Hyères, a partir do dia 21.

A competição na Espanha reuniu a Equipe Brasileira de Vela completa e serviu como mais um teste para os Jogos de 2012. Melhor do País na Laser, Bruno Fontes mais uma vez entrou na medal race e terminou o campeonato na 10ª posição.

“Foi um campeonato de recuperação. Saí do bloco intermediário para correr a regata da medalha junto com os melhores do mundo. O ano olímpico é diferente e espero continuar com essa boa fase”, explica Bruno Fontes, que saiu de 42º entre os top 10.

O Princesa Sofía foi palco da disputa por uma vaga olímpica na 470 feminina. As gaúchas Fernanda Oliveira e Ana Barbachan , com o 11º lugar e cinco posições à frente das fluminenses Martine Grael e Isabel Swan, garantiram a classificação nesta sexta-feira (6) para os Jogos de Londres, em agosto. Fernanda Oliveira vai para sua quarta olimpíada e Ana para a primeira.

“A entrada da Ana na equipe foi fundamental. Apesar de jovem, mostrou muita maturidade nos momentos decisivos. Seguiremos até 2016”, conta Fernanda Oliveira, que em 2008 conseguiu a prata olímpica na 470 ao lado de Isabel Swan, hoje adversária.

Outros resultados – Além das duplas de Star e 470 e de Bruno Fontes, o Brasil levou sua equipe quase completa ao evento espanhol e obteve bons resultados. Na Finn, Jorge Zarif terminou em 25º lugar. Já Arthur Lopes foi o 54º. Na Laser Radial, Adriana Kostiw, que vai à Londres/2012, ficou em 76º lugar. Na 470 masculina, Fabio Pillar e Gustavo Thiesen, que ainda sonham com a vaga, finalizaram em 33º e a outra dupla Carlos Wanderley e Nicolas Castro foram os 91º. Na 49er, outra categoria sem o Brasil confirmado em Londres, André Fonseca e Marco Grael fecharam o campeonato em 48º lugar.

Resultados dos brasileiros no Troféu Princesa Sofia:
(Posição geral – Nome – Pontuação total – Pontuação por regata)

Star
1º Robert Scheidt e Bruno Prada – 66 (14 + 10 + 3 + 4 + 7 + 5 + 5 + 17* + 1 + 9+4)

Laser
10º Bruno Fontes – 94 (21 + 13 + 4 + 7 + 22* + 15 + 11 + 6 + 7 + 10)
100º Alex Veeren – 195 (32 + 47/DNC* + 36 + 25 + 40 + 19 + 4 + 24 + 15)

Laser Radial
69º Maria Cristina Boabaid – 209 (26 + 30 + 46/DNF* + 22 + 38 + 28 + 28 + 20 + 32)
72º Adriana Kostiw – 220 (40 + 29 + 27 + 46/OCS* + 46/DNC + 46/DNC + 8 + 21 + 3)

470 masculino
33º Fabio Pillar e Gustavo Thiesen – 192 (28 + 33 + 15 + 21 + 19 + 19 + 10 + 46* + 30 + 18)
91º Carlos Wanderley e Nicolas Castro – 356 (37 + 30 + 43 + 28 + 35 + 41 + 47/DNC + 47/DNC* + 47/DNC + 47/DNC)

470 feminino
11º Fernanda Oliveira e Ana Barbachan – 114 (7 + 3 + 2 + 29 + 27 + 11 + 18 + 38* + 6 + 10)
16º Martine Grael e Isabel Swan – 134 (14 + 32 + 5 + 28 + 10 + 1 + 53/BFD* + 30 + 3 + 11)

49er
48º André Fonseca e Marco Grael – 236 (20 + 29* + 24 + 6 + 21 + 22 + 26 + 19 + 28 + 27/BFD + 3 + 27/DNC + 13)

Finn
25º Jorge Zarif – 202 (28 + 27 + 58/DNF* + 34 + 40 + 8 + 9 + 30 + 20 + 5)
54º Arthur Lopes – 442 (49 + 50 + 52 + 50 + 56* + 53 + 44 + 52 + 44 + 49)

Da ZDL de Comunicação

%d blogueiros gostam disto: