Pular para o conteúdo

Fernanda Oliveira e Ana Barbachan sobem para o nono lugar na Semana Olímpica Francesa

Com ventos muito fortes em Hyéres, classe Finn, de Jorge Zarif, não foi para a água e a 49er, de André Fonseca e Marco Grael, disputou só uma regata

São Paulo (SP) – As gaúchas Fernanda Oliveira e Ana Barbachan continuam sendo os destaques da Equipe Brasileira de Vela na Semana Olímpica Francesa, em Hyères. Com um descarte valendo a partir desta terça-feira (24), a dupla subiu para o nono lugar na classe 470 feminina, com 41 pontos perdidos. O torneio vale como a terceira etapa da Copa do Mundo da Isaf  em 2012.

“Estamos satisfeitas com o nosso desempenho. Até agora tivemos apenas um 32º lugar. Nas outras regatas, conseguimos nos manter perto das dez primeiras. Estamos evoluindo e testando materiais, exatamente o que pretendíamos com essa competição. Sabemos que nos próximos dias as condições serão difíceis, mas seguimos fazendo o nosso melhor”, afirma Fernanda.

O dia foi marcado, novamente, por ventos fortes no litoral francês. Com isso, regatas de duas classes olímpicas foram canceladas. Na Finn, do brasileiro Jorge Zarif (20º, com 85 pontos), nenhuma prova foi disputada. Na 49er, que já tinha sofrido no domingo, só uma regata foi disputada. Nela, André Fonseca e Marco Grael terminaram em décimo lugar, somando 34 pontos e caindo para a 18ª posição na classificação geral – após cinco regatas e um descarte.

Na classe Laser Radial, Adriana Kostiw subiu bastante com a entrada do descarte. Na segunda-feira, a velejadora paulista sofreu com a quebra do mastro, correu a primeira do dia com a peça avariada e marcou um 20º lugar. Na segunda, não completou. Nesta terça, ela fez dois oitavos, chegou a 55 pontos perdidos e subiu para o 20º lugar na classificação geral.

Além da comemoração pelos bons resultados, Adriana ainda está aproveitando as instruções do técnico Luca Modena, da dupla Robert Scheidt e Bruno Prada. Os dois desistiram da competição na segunda e Modena passou a auxiliar a laserista a partir desta terça. “As regatas estão muito duras. O vento está forte, de 20 a 25 nós. Estamos aproveitando para fazer uma série de ajustes técnicos, trabalhando muito o controle do vento, analisando a movimentação das nuvens e a duração das rajadas”, explica a velejadora.

Nas outras classes, Patrícia Freitas é a 17ª na RS:X feminina, com 76 pontos perdidos. Na 470 masculina, Fábio Pillar e Gustavo Thiesen são os 23º, com 59 pontos.

Veja o desempenho dos brasileiros na Semana de Hyères:

RS:X feminino
17 – Patrícia Freitas – 76 (11 + 12 + 20 + 18 + 20* + 15)
49 – Bruna Martinelli – 168 (34 + 41* + 38 + 36 + 32 + 28)

RS:X masculino
33 – Albert Carvalho – 70 (25* + 21 + 8 + 16 + 15 + 19)

Laser
89 – João Hackerott – 135 (31 + 29 + 22 + 22 + 33* + 31)

Laser Radial
21 – Adriana Kostiw – 81 (9 + 10 + 20 + 42* 8 + 8)

Finn
20 – Jorge Zarif – 85 (9 + 17 + 17 + 42)

49er
18 – André Fonseca e Marco Grael – 34 (9 + 12 + 15* + 3 + 10)

470 masculino
23 – Fábio Pillar e Gustavo Thiesen – 59 (5 + 15 + 6 + 15 + 33* + 18)

67 – Henrique Haddad Nicolas Castro – 139 (26 + 24 + 36 + 27 + 42* + 26)

470 feminino
9 – Fernanda Oliveira e Ana Barbachan – 41 (5 + 31* + 9 + 9 + 13 + 5)

Star
Robert Scheidt e Bruno Prada deixaram a competição.

Membros da Equipe Brasileira de Vela em negrito
*Pontuação descartada

Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: