Pular para o conteúdo

Arquivo de

Faleceu em Vitória Fernando Jakes Teubner, o Jakaré

Faleceu neste domingo em Vitória o velejador Fernando Jakes Teubner. Jakaré, como era conhecido, foi velejador de Snipe e grande entusiasta da classe no estado. O velório aconteceu na manhã desta segunda-feira.

Bruno Landgraf e Elaine Cunha encerram participação paraolímpica na 11ª colocação

País Bruno Landgraf e Elaine Cunha disputam a Skud 18

O Brasil encerrou a sua participação nas Paraolimpíadas de Londres no último dia 6. Únicos representantes do País Bruno Landgraf e Elaine Cunha não conseguiram um bom resultado na classe Skud 18 na 11ª colocação. Os vencedores foram os italianos Marco Gualandris e Marta Zanetti. O resultado completo pode ser visto clicando aqui.

MOD 70: Groupe Edmond de Rothschield larga na frente rumo a Cascais

Barco de Oman é o terceiro colocado rumo a Cascais

Depois de um final de semana agitado com regatas inshore na baía de Dublin, a flotilha de MOD 70 finalmente largou rumo a Cascais na disputa da segunda perna do Tour Europeu. O Groupe Edmond de Rothschield largou na frente ao conquistar os três pontos das regatas curtas, porém no percurso longo quem lidera é o Spindrift Racing. A previsão é de que os cinco barcos cheguem em Portugal no próximo dia 12.

Desfalcada, equipe SER Glass não conquista o resultado esperado no Brasileiro de HPE

Barco paulista terminou na 20a. posição na competição realizada no Rio de Janeiro e que reuniu alguns dos melhores velejadores do Brasil

Rio de Janeiro – Terminou neste domingo no Iate Clube do Rio de Janeiro o Brasileiro de HPE. Depois de oito regatas a equipe do SER Glass 10 anos ficou com a 20ª colocação de um total de 26 competidores. O campeão foi o Atik, de Henrique Haddad.

O time estava desfalcado por conta de compromissos pessoais de parte da tripulação oficial e para esta etapa apenas Alexandre Wissembach e Fernando Brecheret, puderam velejar. Para completar o time, foram escalados Wagner Bojlesen e Artur Lopes, que nunca tinham velejado antes no barco. Sem conseguir treinar, o time acabou não conquistando o resultado desejado.

“Nós fomos nos entrosando no decorrer da competição e como o nível da classe é muito alto, fica complicado conquistar um bom resultado. Nesta classe, o menor dos erros pode custar muitas posições”, disse Alexandre, responsável por regular as velas do barco.

O próximo compromisso da equipe será a terceira etapa da Copa Suzuki Jimny, em Ilhabela no final do mês. Para a competição o líder SER Glass Eternity estará de volta à raia.

Da Local

Veleiro Atik, de Henrique Haddad, conquista o título do Brasileiro de HPE25

Único veleiro feminino, ICS-Corum termina em 19º lugar sob comando de Adriana Kostiw

No pódio equipe de Henrique Haddad, Alexandre Paradeda e Maurício Santa Cruz

O veleiro Atik, sob comando de Henrique Haddad, ficou com o título do Campeonato Brasileiro da Classe HPE25, encerrado neste domingo, no Iate Clube do Rio de Janeiro. O segundo colocado foi o veleiro de Alexandre Paradeda, Fit to Fly. A tripulação do Relaxa Next, comandada por Maurício Santa Cruz, completou o pódio da competição, que reuniu 26 embarcações na mesma raia onde serão realizadas as competições de vela da Olimpíada de 2016. A bordo do ICS-Corum, a única tripulação exclusivamente feminina terminou em 19º lugar. Para ver a súmula completa, clique aqui.

Sob comando de Adriana Kostiw, a tripulação do ICS-Corum contou ainda com o reforço de mais duas velejadoras olímpicas: as gaúchas Fernanda Oliveira e Ana Barbachan. A carioca Elisa Freitas e a paulista Mariana Peccicacco completaram a equipe. “Nos entrosamos muito bem, mas é uma classe muito competitiva e com muita gente boa e forte. Faltou treino e mais familiaridade com o barco”, destacou Elisa.

O Atik não chegou a vencer nenhuma das sete regatas disputadas ao longo da competição. Seu melhor resultado foi um segundo lugar, e outros cinco terceiros, que lhe renderam o título, com um total de 17 pontos perdidos, já computado o descarte do pior resultado. O segundo colocado chegou a somar dois primeiros lugares, mas não conseguiu manter a regularidade, com um sétimo, um oitavo, um quarto e um segundo lugares, que totalizou 23 pontos. O mesmo aconteceu com o Relaxa, que venceu duas, mas enterrou as chances ao somar 29 pontos – com mais um quinto, um oitavo, um 12º e um segundo lugares.

A próxima competição da classe HPE 25 será a Copa Suzuki Jimny, que acontece em Ilhabela nos dias 22, 23, 29 e 30 de setembro.

Da assessoria de imprensa

Equipe de Lucas Brun vence a Maxi Yacht Rolex Cup

Luquinhas Brun e sua turma no tapete mágico inglês faturaram na classe Wally. Uhuu!

Terminou neste final de semana em Porto Cervo, Itália, a Maxi Yacht Rolex Cup. No total 34 barcos de, no mínimo, 60 pés participaram da competição. O Magic Carpet, que tinha o brasileiro Lucas Brun a bordo, foi o campeão entre os Wallys. “O campeonato foi bom. Tivemos um dia cacelado por muito vento e outro por pouco vento, situações clássicas da Sardegna. Com o resultado nos tornamos a equipe que mais venceu esta competição, com cinco títulos”, disse Lucas. Clique aqui e veja como foi a competição.

Confira abaixo os resultados de cada classe:

Mini Maxi
1. Bella Mente, 12 pontos
2. Ran, 12
3. Caol Ila R, 21

Wally
1. Magic Carpet 2, 5
2. Open Season, 8
3. J One, 13

Racing
1. Esimit Europa2, 8
2. Velsheda, 8
3. Highland Fling, 8

Racing/Cruising
1. Aegir, 4
2. Altair, 11
3. Berenice Bis, 13

Supermaxi
1. Nilaya, 8
2. Saudade, 23
3. Sojana, 23

Vídeo: L’Hydroptère bate recorde em São Francisco

Mario Roberto Arantes Dubeux e Karoline Bauermann vencem o Sul Brasileiro de Hobie Cat

Terminou no último sábado, dia 8 de setembro, em Porto Alegre, o 39º Campeonato Sul Brasileiro da Classe Hobie Cat. Com uma grande atuação, Mario Roberto Arantes Dubeux e Bauermann Karoline, do Clube dos Jangadeiros, levaram o primeiro lugar na HC 16, com Gustavo Lis e Claudia Welter terminando em segundo. O terceiro lugar ficou com Claudio Mika e João Felipe Kraemer. Já na HC 14, o campeão foi o catarinense Adam Max Mayerle, com Henrique Gomes chegando na segunda colocação. Confira os resultados finais:

Hobie Cat 16
01º Mario Dubeux / Karoline Bauermann (CDJ) – Geral /Master
02º Gustavo Lis / Claudia Welter (VDS) – Geral
03º Claudio “Mika” da Silva / João Felipe Kraemer (CDJ) – Geral /Master
04º Adriano Schneider / Michele Oliveira (VDS) – Geral
05º Guilherme Borges / Jaqueline Jardim (Sava) – Geral
06º Eduardo Ekman / Francisco Ekman (VDS) – Geral/Master/Gr Master
07º Marcelo Vera / Maria Inês Vera (Sava) – Master
08º Luis Antonio Schneider / João Francisco Lanfredi (VDS) – Geral / Master
09º Ricardo Lis / Bryan Matthew (VDS) – Geral / Junior/Estreante
10º Mário Saffer / Sandra Axelrud Saffer (CDJ) – Gran-Master / Estreante
11º André Huyer / Carolina Sulzbach (VDS) – Geral / Master
12º Fabio Pillar / Matheus Teixeira (CDJ) – Geral

Hobie Cat 14:
01º Adam Max Mayerle (JIC) – Geral
02º Henrique S. Gomes – Geral
03º Aldo Kirsten Junior – Geral/G.Master
04º Caio Sena Lopes (GVI) – Geral/ Junior
05º Eduardo Delgado Olabarriaga (Sava) – Geral/Master
06º Klaus Müller – Geral / Estreante
07º Sérgio Cunha – Geral / Master

Da assessoria de imprensa

Camaradinha e Coveiro vencem o Sul Brasileiro de Snipe

Neste final de semana aconteceu em Içara, Santa Catarina, o Sul Brasileiro da classe Snipe. No total 22 duplas estiveram presentes disputando as oito regatas da série. No final o título ficou com Mário Tinoco e Gabriel Borges, seguidos por Rafael Gagliotti e Henrique Gomes em segundo e Alex Juk e Piero Furlan em terceiro.

%d blogueiros gostam disto: