Pular para o conteúdo

Arquivo de

Geison e Gustavo são campeões sul-americanos de 470

Geison e Gustavo comemoram o título

Geison e Gustavo comemoram o título

A dupla Geison Mendes e Gustavo Thiesen, do Veleiros do Sul, conquistou o título do Campeonato Sul-Americano da classe 470 que encerrou nesta quarta-feira em Porto Alegre no Clube dos Jangadeiros. Na vice-colocação ficaram as velejadoras olímpicas Fernanda Oliveira e Ana Luíza Barbachan.

Ao cruzarem a linha de chegada na última regata, os campeões comemoraram muito a primeira vitória na classe 470 desde que formaram a parceria no final do ano passado. O timoneiro Geison Mendes disse que eles passaram por dificuldades no dia anterior, depois do terceiro lugar na segunda regata, “perdemos um pouco a concentração”. Mas hoje as coisas foram diferentes”, comentou.

“Pela manhã sentamos com o nosso técnico Mathias Melecchi antes da regata e conversamos para identificar o que podíamos corrigir e melhorar. A primeira regata foi super disputada e deu o tom de como seria o dia, mas na última regata já estávamos tranquilos com o resultado, montamos a boia na frente e assumimos a liderança definitivamente”, comemorou Geison.

A dupla está em campanha olímpica para Rio 2016 e nem poderá relaxar, pois o próximo compromisso já é a partir desta quinta-feira. “Agora seguimos o trabalho no Campeonato Brasileiro de 470. Então é botar os pés no chão, pegar o aprendizado dessa disputa para aplicar nas que virão pela frente”, diz o timoneiro campeão.

Geison ainda agradece o suporte recebido durante o campeonato. “Queremos agradecer a Equinautic e do Matra Café, que viabilizou essa conquista. E também ao Veleiros do Sul, onde recebemos apoio incondicional da comodoria.”

Da assessoria

Copa Estreante antecede o Brasileiro de Optimist no YCSA

Competição com crianças com pouca experiência na vela será disputada de 14 a 16 deste mês, na represa de Guarapiranga, em São Paulo

São Paulo (SP) – O Campeonato Brasileiro de Optimist de 2013 terá mais uma atração. Com o objetivo de formar novos praticantes de vela, será disputada a Copa de Estreantes, que reunirá velejadores mirins com pouca experiência, ou seja, aqueles que começaram a velejar a partir de fevereiro de 2012. A festa está marcada para 14 a 16 de janeiro, no Yacht Club de Santo Amaro (YCSA), e estão programadas nove regatas na Represa de Guarapiranga. Além das provas, os pequenos, sempre acompanhados dos pais, participam de atividades lúdicas no clube. A organização espera mais de 200 velejadores nos dois eventos.

“A importância da Copa de Estreantes é que ela permite que os velejadores que estão iniciando na classe vivenciem o que é um campeonato brasileiro, dá a oportunidade para eles conviverem com os melhores do Brasil, e cria neles o desejo de um dia conseguir se classificar e participar de uma competição nacional”, explica Marcos Biekarck, coordenador de vela do YCSA

A classe Optimist é uma das mais praticadas na vela mundial por ser uma categoria de introdução à modalidade. O barco de 2,34 metros é fácil de tocar e oferece segurança para a garotada de até 15 anos aprender as principais funções de um monotipo. Além de ser um barco de iniciação à vela e de excelente custo/benefício, o formato impede velocidades elevadas, garantindo, assim, a segurança do Optimist. O veleiro suporta até 60 quilos.

“O objetivo é impactar o maior número possível de velejadores, sejam eles iniciantes ou experientes, o importante é que os jovens se envolvam cada vez mais com o esporte que oferece um contato intenso com a natureza, desenvolve autoconfiança, planejamento, estratégia, concentração e tomada de decisões”, complementa Marcos Biekarck. “Sem dúvida, os velejadores de outros estados poderão conhecer uma raia diferente, um clube diferente, competir com atletas de todo o Brasil. Já para os velejadores de São Paulo, a oportunidade de conhecer seus futuros adversários em campeonatos nacionais é fundamental”.

O Brasileiro de Optimist de 2013, com patrocínio do Sistema ANGLO de Ensino – Abril Educação, tem tudo para ser o melhor da história no Yacht Club de Santo Amaro (YCSA). A categoria já revelou nomes de peso da modalidade, que começaram suas carreiras de sucesso na classe, como Robert Scheidt, Bruno Prada, Marco Grael e Martine Grael. O campeonato, de 15 a 25 de janeiro, tem os dois primeiros dias para inscrições e medições de barcos. No dia 17 haverá a regata treino e, no dia seguinte, a cerimônia de abertura e a primeira regata oficial.

Mais de mil pessoas estarão envolvidas durante as duas semanas de atividades. A competição tem a chancela da Confederação Brasileira de Vela e Motor (CBVM) e chegará à sua 41ª edição. O YCSA oferecerá uma experiência diferenciada para os competidores de todo País, por meio de atividades em terra, facilidades, prêmios e um convívio com os velejadores. “Com isso, conseguiremos plantar em cada atleta o desejo de se dedicar durante o ano seguinte, treinando, competindo, evoluindo para poder se classificar e ter o direito de participar de outras edições do Brasileiro”, diz o representante do Yacht Club de Santo Amaro.

Da ZDL

Nova asa do Oracle Racing chega em São Francisco

A Asa foi transportada de caminhão até a base da equipe no Pier 80

A Asa foi transportada de caminhão até a base da equipe no Pier 80

Depois de capotar o seu AC72 e danificar o barco inteiro durante um treino em São Francisco, em outubro, finalmente a equipe teve uma boa notícia. A nova vela em formato de asa finalmente chegou e a previsão é de que o barco esteja completo novamente e já velejando em fevereiro. A vela foi construída pela Core Builders Composites em Warkworth, Nova Zelândia, e foi colocada no contêiner no dia 23 de dezembro.

“Estamos muito empolgados para sair velejando novamente, e no ponto de vista do iatismo, será como uma recompensar por fazer todo o trabalho novamente e ter o barco pronto de novo”, comemorou o skipper James Spithill.

CNN mostra etapa brasileira do Extreme Sailing Series

Para quem não pôde acompanhar de perto a etapa carioca do Extreme Sailing Series ou para quem esteve no RJ e quer ver de novo, a CNN irá mostrar a cobertura completa do evento no programa Main Sail. Ele vai ao ar em três dias:

Quinta, 10 de janeiro: 08:30 e 15:30
Sábado, 12 de janeiro: 06:30 e 20:00
Domingo, 13 de janeiro: 15:30

Organização da America´s Cup reafirma a transferência da segunda etapa da ACWS

A America´s Cup Event Authority (ACEA), responsável pela organização da America´s Cup reiterou em um comunicado divulgado nesta quarta-feira que não realizará a etapa de Veneza da America´s Cup World series. O egundo evento da competição será transferido para São Francisco, onde também acontecem a Louis Vuitto Cup e a America´s Cup.

Segundo o comunicado a ideia é aproveitar o verão americano ao invés da primavera europeia e focar na raia onde serão disputados os eventos mais importantes. Além disso, não é viável manter uma locação onde os custos não serão completamente cobertos e onde a mídia não dará tanto retorno.

%d blogueiros gostam disto: