Pular para o conteúdo

Arquivo de

Martine Grael e Kahena Kunze vencem duas e lideram N.Americano de 49er FX

Na foto de Fred Sempre Ele Hoffmann vemos a dupla de ouro treinando na Guanabara.

Na foto de Fred Sempre Ele Hoffmann vemos a dupla de ouro treinando na Guanabara.

Evento está sendo disputado em Miami e serve como aquecimento para a segunda etapa da Copa do Mundo de Vela

Rio de Janeiro – Começou nesta sexta-feira em Miami, EUA, o Campeonato Norte Americano de 49er FX. A dupla brasileira Martine Grael e Kahena Kunze conquistou dois primeiros e um segundo lugares e lidera a competição. O evento segue até domingo e serve como prévia para a segunda etapa da Copa do Mundo de Vela, a Miami OCR, que será disputada entre os dias 26 de janeiro e 2 de fevereiro.

“Apesar do vento fraco, fizemos uma primeira regata espetacular, chegando praticamente uma perna na frente da segunda colocada. As outras regatas também foram boas e achei o nosso resultado bastante satisfatório para um primeiro dia. Mas ainda tem gente que não está aqui e não sabemos qual será o nível da próxima competição. Por isso temos que ficar com os pés no chão, sem grandes comemorações”, disse Martine.

A dupla ainda está se adaptando ao barco, alugado nos EUA, que tem um design diferente do que estavam acostumadas a velejar. O casco arredondado do 49er FX e o fato de se velejar em pé, pendurado pelo trapézio, deixa a velejada bem mais radical. A classe, que foi escolhida pela Federação Internacional de Vela (ISAF) para fazer parte do programa das próximas duas olimpíadas, é nova no mundo e por isso ainda é cedo para predizer quais são as duplas favoritas.

Desde que se juntaram, no final de 2012, Martine e Kahena têm treinado quase todos os dias na baía de Guanabara. No último ciclo olímpico, a filha do multimedalhista Torben Grael velejou ao lado de Isabel Swan na classe 470 e juntas elas conquistaram a vaga para o Brasil nas Olimpíadas de Londres. Ao lado da proeira Kahena, sua amiga de longa data, Martine conquistou o Mundial da Juventude da Isaf em 2009.

Velassessoria

Jorginho Zarif lidera o Brasileiro de Finn

Primeiro dia de disputas teve apenas uma regata; competição segue até domingo (20) na represa de Guarapiranga

São Paulo – Bruno Prada teve uma estreia difícil no Campeonato Brasileiro de Finn, nesta sexta-feira (18). O velejador, tricampeão brasileiro da classe, terminou a única regata do dia em oitavo lugar. O vencedor foi Jorge Zarif, seguido por André Mirsky. Os ventos normalmente rondados na represa de Guarapiranga se transformaram em tempestade no final da tarde, impedindo a realização da segunda regata.

“Foi um dia ruim, com muita chuva no final da regata. Mas as condições geralmente são irregulares, na represa, é normal. Também cometi alguns erros que acabaram me atrasando”, analisou Bruno Prada. A disputa, prevista para as 14 horas, começou apenas depois das 16 horas, devido à instabilidade do clima. “Sábado é um novo dia. Agora é pensar em largar melhor, velejar melhor. A previsão é de que teremos um tempo um pouco melhor, com ventos mais fortes.”

Outras três regatas estão programadas para este sábado (19), com início às 13 horas. Após a sexta regata, os velejadores poderão descartar o pior resultado. O Campeonato Brasileiro segue até domingo, na raia 3 da represa de Guarapiranga.

Da Local

%d blogueiros gostam disto: