Pular para o conteúdo

Copa Suzuki Jimny testa nova classe em Ilhabela

Todos os veleiros podem se inscrever na IRC, categoria com regra secreta e inovadora para a modalidade. Segunda etapa, chamada de Warmup, está marcada para os dias 8, 9, 15 e 16 de junho, no Yacht Club de Ilhabela (YCI)

Aline Bassi fotografou a classe HPE em Ilhabela

Ilhabela(SP) – A segunda etapa da Copa Suzuki Jimny, chamada de Warmup, terá uma novidade: a entrada da IRC como classe convidada. A categoria tem handicap internacional e atende barcos de todos os tamanhos e modelos. As regatas do Warmup, marcadas para os dias 8, 9, 15 e 16 de junho, no Yacht Club de Ilhabela (YCI), serão uma prévia do que ocorrerá na Rolex Ilhabela Sailing Week, de 6 a 13 de julho. Nos dois campeonatos, a nova regra será aplicada. O circuito deve reunir mais de 50 veleiros em dois finais de semana, se consolidando como um dos principais eventos da vela oceânica nacional. Além da IRC, a Copa Suzuki Jimny terá as outras categorias tradicionais da modalidade como ORC, C30, HPE E RGS.

“Um dos pontos positivos da IRC é que a categoria mantém em segredo as fórmulas para calcular o vencedor, impedindo assim que os projetistas desenvolvam veleiros que possam ser mais adaptados à regra. Acredito que as equipes irão tomar gosto pela classe”, ressalta Cuca Sodré, organizador do campeonato.

A IRC é destinada a barcos de todos os tamanhos e formas, desde os de cruzeiro produzidos em série e os cruiser (barcos de cruzeiro com projeto moderno e veloz), até os desenhados exclusivamente para alto desempenho. Atualmente, a categoria é utilizada em várias regatas e campeonatos pelo mundo, como a Rolex Fastnet Race, Rolex Sydney Hobart e a Rolex Middle Sea Race.

“Todas as classes de rating permitem que diferentes barcos corram a mesma regata com resultados justos. O diferencial da IRC é a regra ser internacional e ter talvez a combinação adequada de simplicidade e precisão para um grande número de barcos de nossa flotilha”, reforça Carlos Eduardo Souza e Silva, o Kalu, diretor de vela do YCI.

A regra já permitiu velejadores de diversos países e embarcações de diferentes tamanhos e tecnologia fazerem história ganhando na classificação geral pelo IRC. Em 2008, mais de 7.500 barcos em mais de 30 nações tinham certificados da classe.

A etapa de junho da Copa Suzuki Jimny tem previsão de reunir mais de 50 barcos, repetindo o sucesso da primeira, em abril. Na classe ORC,o líder provisório é o Lexus/Chroma (Luiz Gustavo de Crescenzo). Na C30, a ponta é do TNT/Loyal (Marcelo Massa), com 100% de aproveitamento. Na HPE, o melhor desempenho é do Relaxa Next/Caixa (Roberto Mangabeira). Na RGS, os primeiros são: Jazz (Valéria Ravani), na A, Asbar II (Sergio Klepacz), na B, Rainha (Paulo Eduardo), na C, e Boccalupo (Claudio Melaragno), na Cruiser.

A Copa Suzuki Jimny/XIII Circuito Ilhabela de Vela Oceânica é organizada pelo Yacht Club de Ilhabela, com patrocínio máster da Suzuki Veículos e co-patrocínio da SER Glass. Os apoiadores são Prefeitura Municipal de Ilhabela, Brancante Seguros, Rádio Antena 1 Litoral Norte e Delegacia da Capitania dos Portos em São Sebastião.

Da ZDL

Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: