Pular para o conteúdo

Após Transat Jacques Vabre, Cheminées Poujoulat afunda na volta para casa

Bernard Stamm naufragou no Atlântico seu IMOCA60.

Bernard Stamm naufragou no Atlântico seu IMOCA60.

Depois de disputar a Transat Jacques Vabre, o suíço Bernard Stamm e seu tripulante Damien Guillou estavam voltando para casa a bordo do veleiro de bandeira francesa Cheminées Poujoulat quando às 22h do dia 23 para o dia 24, acionaram o dispositivo de emergência. Uma embarcação de 50 pés chegou a manter contato, porém os ventos de 35 nós e o mar revolto impossibilitaram o resgate na madrugada. Os dois acabaram sendo salvos por um navio cargueiro às 7h30 desta terça-feira. O veleiro foi abandonado e acabou afundando.  Clique aqui (http://bit.ly/19pbV2z) e leia o report em inglês.

2 Comentários Comente
  1. Victor Hugo Figari #

    Aconteceu com eles porque não vai a acontecer com você meu querido amigo

    25/12/2013
  2. Murilo, sua coluna está sempre bem informada, parabéns. Perguntamos a respeito de dois acontecimentos: a viagem Angra – Cidade do Cabo, que está sendo feita pelo veleiro Kilimanjaro, Velemar 32, estão faltando pouco mais de 1.000 milhas, e um acidente ocorrido com um veleiro brasileiro que navegava para C. do Capo e deu um jibe chinês com um tripulante acidentado que foi obrigado a ser transferido para um navio quando estava 600 milhas da costa do Brasil. Nada a respeito!!??. abraço jonas de barros penteado

    27/12/2013

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: