Pular para o conteúdo

Arquivo de

Brasil é quarto colocado no Norte Americano de J/24

Terminou neste final de semana em Purto Vallarta, no México, o Norte Americano de J/24. Com nove regatas disputadas, o título ficou com os americanos liderados por Mike Ingham. A equipe Bruschetta, comandada por Maurício Santa Cruz, foi a melhor brasileira na competição, ficando com o quarto lugar. Os outros brasileiros são: Tango Hard Rock, em 10º, Tango 2 Hard Rock, em 13º e Tango Jr Hard Rock, em 26º.

 

Vídeo: Melhores momentos do Extreme Sailing Series em Omã

Brasil vai com equipe forte para o Mundial da Juventude, em Portugal

Gabriel heusi registrou Tiago Brito e Phillip Essle, que  formam a dupla brasileira na 420 Masculino

Gabriel heusi registrou Tiago Brito e Phillip Essle, que
formam a dupla brasileira na 420 Masculino

Florianópolis (SC) – 22/03/2014 – Neste sábado (22) o vento finalmente deu as caras em Jurerê e as regatas decisivas da Copa da Juventude aconteceram na Sede Oceânica do Iate Clube de Santa Catarina definindo a equipe brasileira que disputará o Mundial da categoria em Tavira (Portugal), no mês de julho. Entre os selecionados, destaque para a atleta catarinense Maria Carolina Boabaid, que confirmou a vaga e representará o Iate Clube de Santa Catarina em terras lusitanas.

Mais do que uma melhora, as condições chegaram ao extremo no último dia de competição com as regatas finais sendo disputadas em ventos de até 20 nós (aproximadamente 40km/h). Com isso, os velejadores foram testados durante o dia, provando que estão aptos a competir de igual para igual com os melhores atletas do mundo no mês de julho.

Maria Carolina Boabaid venceu na Laser Radial Feminino tornando-se a única catarinense na equipe brasileira. Contente com o resultado, a atleta do Iate Clube de Santa Catarina comemorou bastante o título em casa. “Estou muito feliz por poder fazer parte da seleção brasileira. Essa é uma oportunidade única. Agora vou treinar bastante para representar bem o país”, comemorou. “Competir em casa é bom, pois eu conheço bem a raia e ainda tenho o apoio da família. As condições aqui ajudam muito, pois treinamos em todos os tipos de vento”, encerrou.

Na versão masculina da prova, uma disputa acirrada entre o paulista Martin Lowy e o gaúcho Antonio Cavalcanti marcou o dia. Com apenas um ponto de diferença, o atleta do Yacht Clube de Santo Amaro levou a melhor. Desta forma, Martin Lowy retorna ao Mundial da Juventude buscando o bicampeonato na competição mais importante para jovens atletas no mundo.

Outro jovem campeão mundial a garantir vaga para o evento em Portugal foi Kim Andrade. Ao lado de Antonio Carlos Neto, a dupla do Yacht Clube da Bahia confirmou o favoritismo vencendo todas as regatas na Hobbie Cat e confirmando presença no Mundial da Juventude.

Na 29er os paulistas Antonio Aranha e Stephan Kunath serão os representantes brasileiros em Tavira. A dupla do Yacht Clube de Santo Amaro venceu todas as regatas disputadas durante a semana em Florianópolis.

Na Classe RS:X o Brasil terá dois fortes atletas compondo a equipe. O carioca Brenno Francioli não deu chances aos adversários, garantindo aproveitamento de 100% nas regatas disputadas. Já na RS:X Feminino, Maria Carolina da Cruz garantiu o posto de número um do país e agora tem a missão de representar o Brasil em Portugal.

Completando a equipe brasileira, o também campeão mundial Tiago Brito, ao lado de seu parceiro Philipp Essle (Clube dos Jangadeiros/Yacht Clube de Santo Amaro, respectivamente) formam a dupla que representará o país na 420 Masculino. Entre as mulheres, as paulistas Giuliana Loureiro Tozzi e Marina Arndt carimbaram o passaporte para o Velho Continente após uma disputa apertada contra Helena Marchi e Elisa Von Fritsch, decidida por apenas dois pontos.

Equipe experiente para representar o país em Tavira:
Após as disputas durante os três dias de competição, a seleção brasileira conheceu seus representantes nas oito categorias. Com um grupo forte e experiente, a expectativa é que os velejadores brasileiros façam um bom papel em Tavira. “Nossa expectativa é de um grande desempenho dos nossos atletas. A competição em Florianópolis foi excelente e muito bem organizada pelo Iate Clube de Santa Catarina. Estamos muito satisfeitos com tudo e vamos para Portugal com um time forte e experiente. Temos atletas que já foram campeões mundiais e outros que tem uma ótima bagagem de competições”, disse otimista Ricardo Baggio “Kadu”, superintendente da Confederação Brasileira de Vela.

Classificação final:
29er:
1º Antonio Aranha/Stephan Kunath (YCSA) – 4pp*
2º Daniel Platt/Daniel Martins (ICSC) – 9pp

420 Masculino:
1º Tiago Brito/Phillip Essle (CDJ/YCSA) – 6pp*
2º Leonardo Lombardi/Gabriel Alves (CNC) – 16pp
3º Gabriel Elstrodt/Alexander Essle (YCSA) – 17pp

420 Feminino:
1ª Giuliana Tozzi/Marina Arndt (YCSA) – 34p*
2ª Helena Marchi/Elisa Von Fritsch (YCSA) – 36pp
3ª Luisa Gandolpho/Marina Rittscher (ICRJ) – 41pp

Laser Radial Masculino:
1º Martin Lowy (YCSA) – 5pp*
2º Antonio Cavalcanti (VDS) – 6pp
3º Ricardo Luz (ICRJ) – 18pp

Laser Radial Feminino:
1ª Maria Carolina Boabaid (ICSC) – 19pp*
2ª Gabriela Kidd (ICRJ) – 31pp
3ª Maria Luiza Rupp (ICSC) – 42pp

Hobbie Cat:
1º Kim Andrade/Antonio Carlos Neto (YCB) – 4pp*
2º Ricardo Lis/Gustavo Azambuja (VDS) – 8pp
3º Antônio Mendes/Carlos Lopes (YCB) – 16pp

RS:X Masculino:
1º Brenno Francioli (CNA) – 5pp*
2º Paulo Silva (BVC) – 13pp
3º Vinicius Degrave (BVC) e Daniel Zimmer (ICRJ) – 50pp

RS:X Feminino:
1ª Maria Carolina da Cruz (CRG) – 22pp*
2ª Juliana Aguiar (CRG) – 23pp
3ª Ana Nobrega (ICRJ) – 50pp
*   Classificados para o Mundial 

Seleção da Vela Jovem classificada para o Mundial:
Laser Radial Masculino – Martin Lowy (SP-YCSA)
Laser Radial Feminino – Maria Carolina Boabaid (SC-ICSC)
420 Masculino – Tiago Brito (RS – CDJ)/Phillip Essle (SP-YCSA)
420 Feminino – Giuliana Tozzi (SP-YCSA)/Marina Arndt (SP-YCSA)
RS:X Masculino – Brenno Francioli (RJ-CNA)
RS:X Feminino – Maria Carolina da Cruz (RJ-CRG)
Hobbie Cat – Kim Andrade (BA-YCB)/Antonio Carlos Neto (BA-YCB)
29er – Antonio Aranha (SP-YCSA)/Stephan Kunath (SP-YCSA)

A Copa da Juventude é uma realização do Iate Clube de Santa Catarina – Veleiros da Ilha, com a supervisão e homologação da Confederação Brasileira de Vela.

Da assessoria

Disputas deste sábado aconteceram mais uma vez em condições complicadas com ventos rondados na raia de Jurerê, em Florianópolis

Gabriel Heusi registrou a largada da flotilha de Laser

Gabriel Heusi registrou a largada da flotilha de Laser

Florianópolis (SC) 21/03/2014 – Pelo segundo dia consecutivo os ventos não ajudaram e a Copa da Juventude de Vela foi disputada em condições adversas na raia de Jurerê, na Sede Oceânica do Iate Clube de Santa Catarina, nesta sexta-feira, 21. Com ventos rondados e intensidade fraca, os velejadores tiveram muitas dificuldades, mas o alto nível de competição provou que os brasileiros estão prontos para encarar o mundial.

Mesmo com todas as complicações, duas regatas foram pra água e a disputa pelas vagas na Seleção Brasileira ganhou ares de emoção. Na Laser Radial Feminino a catarinense Maria Carolina Boabaid conseguiu recuperar-se nesta sexta-feira. A campeã brasileira Sub-19 assume a liderança da competição e está muito próxima da classificação para Tavira, em Portugal, sede do Mundial.

Entre os homens, o paulista Martin Lowy, do Yacht Clube de Santo Amaro, venceu as duas regatas do dia e passou a liderar a classe, seguido de perto pelo gaúcho Antonio Cavalcanti.

Na 29er a dupla paulista Antonio Aranha e Stephan Kunath venceu as duas regatas do dia e deram um grande passo para o título em Florianópolis. O mesmo acontece com a clube do Yacht Clube da Bahia, Kim Vidal e Antonio Carlos, vitoriosos nas duas regatas da classe Hobie Cat.

Entre os competidores da 420, o grande destaque do dia vai para Tiago Brito e Philipp Essle, que com duas vitórias disparou na ponta com nove pontos de vantagem para o segundo colocado. Entre as mulheres, Giuliana Tozzi e Marina Arndt, do Yacht Clube de Santo Amaro, estão na frente na disputa pela vaga.

Fechando as disputas, Brenno Francioli – do Clube Náutico Araruama – RJ – venceu mais duas regatas na RS:X Masculino e é o grande favorito para o último dia de competições. Já na versão feminina da prova, Maria Carolina da Cruz está na frente.

Último dia de regatas deve acontecer em melhores condições:
Neste sábado serão definidos os grandes campeões da Copa da Juventude de Vela e a expectativa é de que as condições melhorem um pouco para a grande final. A previsão aponta para a entrada de vento sul em Jurerê e, com essa expectativa, espera-se que sejam realizadas três regatas para definir os campeões das oito classes.

O evento é uma realização do Iate Clube de Santa Catarina – Veleiros da Ilha, com a supervisão e homologação da Confederação Brasileira de Vela.

Da assessoria

Regatas da 20ª Copa Cidade de Porto Alegre começam neste sábado

Competição organizada pelo Clube dos Jangadeiros deverá reunir mais de 200 velejadores nas águas do Guaíba

Os velejadores gaúchos tem encontro marcado neste sábado, 22 de março, quando o Clube dos Jangadeiros dará início a mais importante competição de vela de oceano do primeiro semestre no Rio Grande do Sul, a Copa Cidade de Porto Alegre. Realizado em homenagem ao aniversário da Capital, o evento deverá reunir cerca de 50 veleiros e mais de 200 competidores, incluindo alguns dos principais nomes da vela brasileira. Entre os atletas que já confirmaram presença estão Alexandre Paradeda e Gabriel Kieling, que recentemente conquistaram as medalhas de ouro nos Jogos Sul-Americanos, em Vinã del Mar, no Chile. Eles vão integrar a tripulação do Kamikaze XI, de Hilton Piccolo, campeão do evento em 2011 e 2012.

As largadas das regatas acontecerão em frente à Ilha dos Jangadeiros, na Baía da Tristeza, zona sul de Porto Alegre, a partir das 14h. As provas são abertas às classes ORC Internacional, BRA-RGS, HPE 25, J-24 e Microtonner 19 e as inscrições podem ser efetuadas em qualquer clube filiado à Federação de Vela do Rio Grande do Sul (Fevers). O evento vai até domingo, 23 de março, e promete movimentar as águas do Guaíba, em dois dias de velas ao vento e festa na Ilha dos Jangadeiros. Confira a programação:

Sábado – 22/03/2014
12:00 – Término do prazo de inscrições para a Regata em Solitário e para as classes ORC Internacional, BRA-RGS, HPE 25, J-24 e Microtoner 19.
14:00 – Largadas das regatas.

Domingo – 23/03/2014
12:00 – Término do prazo de inscrições para o Velejaço.
14:00 – Largadas das regatas.
19:30 – Entrega de prêmios e cerimônia de encerramento.

O Banrisul é o patrocinador oficial da 20ª Copa Cidade de Porto Alegre, que também conta com apoio da Termolar.

Da assessoria

Circuito Ilhabela Copa Suzuki Jimny começa neste final de semana

Representantes cariocas da classe HPE25 escolheram o evento para impulsionar ainda mais suas equipes

A partir dessa sexta-feira, começa a movimentação para a primeira etapa do Circuito de Vela de Ilhabela – Copa Suzuki Jimny que começa nesse fim de semana, no Yacht Club de Ilhabela. Cerca de 450 pessoas são esperadas para a primeira etapa que será realizada nos dias 22, 23, 29 e 30 de março. Velejadores de Santos, Ubatuba, Guarujá, São Sebastião, Florianópolis e Rio de Janeiro já estão confirmados e os barcos aportam a partir desta sexta. “A competição só termina em dezembro e serão quatro etapas disputadíssimas”, confirma o diretor de Vela do YachtClub, Carlos Eduardo Souza e Silva.

Esse ano, o evento completa quatorze anos, consolidando-se como o maior circuito de vela de oceano do país. Entre os dias 22 e 23 serão disputadas regatas de percurso e barla-sota, e a programação será definida pela comissão de regatas de acordo com as condições do tempo. Um Happy Hour está sendo preparado para recepcionar os convidados após as regatas realizadas no sábado. “Vamos comemorar o retorno dessa grande flotilha à Ilhabela”, diz o Dr. De Vela do YCI.

Dentre as disputas que vão movimentar a vela de oceano no litoral norte paulista, está a classe HPE25, uma das mais numerosas do evento. No início do ano, representantes cariocas da classe se reuniram para definir os eventos que serviriam para impulsionar ainda mais suas equipes e a Copa Suzuki de Vela está entre os escolhidos. Os barcos foram submetidos a uma inspeção para que o Medidor possa observar e orientar eventuais itens que estejam em desacordo com as regras da Classe HPE25. O barco, projetado pelos empresários Eduardo Souza Ramos e Felipe Furquim, completou 10 anos em outubro do ano passado e ao que tudo indica, em torno de 15 participarão do circuito.

As inscrições serão realizadas no Yacht Club de Ilhabela nos dias 21 das 17 às 21 horas e 22 das 8 às 11h30.
O Circuito Ilhabela Copa Suzuki Jimny tem a organização do Yacht Club de Ilhabela, patrocínio Master da SUZUKI VEICULOS e apoio da North Sails, Pousada Armação dos Ventos, Revista Mariner, Prefeitura Municipal de Ilhabela, Sailstation e Brancante Seguros.

Da assessoria

 

Vídeo: Extreme Sailing Series segue para Muscat

Torneio Roberto Bueno de Star e Snipe será disputado este final de semana

Nos dias 22 e 23 de março será disputado no Rio de Janeiro o Torneio Roberto Bueno das classes Snipe e Star. Estão programadas quatro regatas, sendo no máximo duas por dia. As inscrições devem ser feitas na secretaria do Iate Clube do Rio de Janeiro e são gratuitas.

Organizadores anunciam a edição 2016 da Vendée Globe

Os skippers da Vendée Globe

Os skippers da Vendée Globe

Uma das mais duras regatas de volta ao mundo, a Vendée Globe já tem data programada para a sua próxima edição: 2016. Nesta semana a organização divulgou um possível line up com grandes nomes da vela, como Jérémie Beyou (Maître Coq), Armel Le Cléac’h (Banque Populaire), Morgan Lagravière (Safran), Sébastien Josse (Gitana), Vincent Riou (PRB) e Alex Thomson (Hugo Boss). No total, 36 velejadores solitários estão trabalhando para estar na linha de largada em Les Sables d’Olonne, na França. Dentre eles, poderá estar Guo Chuan, o primeiro chinês a dar a volta ao mundo sozinho.

Copa da Juventude começa com condições difíceis em Jurerê

Ventos rondados dificultaram as regatas no primeiro dia de disputas na Sede Oceânica do Iate Clube de Santa Catarina, em Florianópolis

Florianópolis (SC) – 20/03/2014 – A Copa da Juventude de Vela teve início nesta quinta-feira, 20, com ventos rondados e condições complicadas na raia de Jurerê, na Sede Oceânica do Iate Clube de Santa Catarina. Os velejadores que disputam as vagas para compor a Seleção Brasileira que disputará o Mundial da Juventude em Tavira, Portugal, encararam ventos de fraca intensidade, que variavam de nordeste a noroeste.
A previsão era para que pelo menos duas regatas fossem disputadas neste primeiro dia, mas com o atraso de quarenta minutos no início das competições e os ventos inconstantes, só foi possível realizar uma regata em todas as categorias, exceto pela classe 420. Com isso, a previsão para essa sexta-feira, 21, são de três regatas para todas as classes e mais duas para a 420.

“O vento estava muito rondado e com intensidade fraca, o que dificultou muito na realização das regatas. Durante o dia tivemos que adaptar o percurso conforme as condições e isso torna a regata muito cansativa para os atletas, tanto na questão física quanto psicológica”, explica Ricardo Navarro, presidente da comissão de regatas da Copa da Juventude.

Na Classe 420, a única com duas regatas disputadas nesta quinta-feira e a dupla formada por Tiago Brito (Clube dos Jangadeiros – RS) e Phillipp Essle (Yatch Clube de Santo Amaro – SP). Com um 1º e um 2º lugares nas regatas, a dupla lidera a competição com 3 pontos perdidos. Entre as meninas, as cariocas Luisa Gandolpho e Marina Rittscher (Iate Clube do Rio de Janeiro) lideram a competição.

Apenas uma regata nas classes Laser, RS:X, 29er e Hobbie Cat:
Classe com maior número de competidores nesta semana, a Laser Radial proporcionou disputas acirradas, mesmo com as inconstantes condições de vento. O gaúcho Antonio Rosa Cavalcanti (Veleiros do Sul) abriu a disputa na ponta após vitória na regata inaugural. Entre as mulheres, a atleta do Iate Clube do Rio de Janeiro, Gabriela Kidd, começou na frente a disputa com a campeã brasileira Maria Carolina Boabaid, do Iate Clube de Santa Catarina, segunda colocada na categoria.

Na RS:X, o carioca Breno Francioli, do Clube Náutico Araruama, abriu as disputas na liderança após vitória na regata de abertura. Entre as mulheres, Maria Carolina da Cruz, do Clube de Regatas Guanabara – RJ destacou-se nas disputas e saiu na frente em busca da vaga para o Mundial da Juventude.

Campeão mundial da Juventude, Kim Vidal comandou bem a dupla com Antonio Carlos Neto (ambos do Yatch Clube Bahia) com vitória na regata de estreia na Hobbie Cat. Fechando este primeiro dia, Antonio Aranha e Stephan Kunath, do Yatch Clube de Santo Amaro, lideram na 29er.

O evento é uma realização do Iate Clube de Santa Catarina – Veleiros da Ilha, com a supervisão e homologação da Confederação Brasileira de Vela.

Da assessoria de imprensa

%d blogueiros gostam disto: