Pular para o conteúdo

Velejadores da ANI se preparam para a maior Semana de Vela da América Latina

O belo veleiro Amazonas

O belo veleiro Amazonas

A Associação Náutica de Itajaí (ANI) será representada por 13 tripulantes a bordo do veleiro Amazonas durante a 41ª Ilhabela Sailing Week, em Ilhabela (SP). Em um dos eventos náuticos mais tradicionais do continente, a equipe de Itajaí será a única representante da cidade catarinense entre os mais de 130 veleiros nas raias do litoral paulista, durante os dias 19 a 26 de julho. O time de vela partirá do píer da Vila da Regata no próximo dia 14, com previsão de chegada à Ilhabela na manhã do dia 16, onde fará o último treino antes do início da competição.

A equipe formada por 13 integrantes mescla velejadores experientes, que carregam mais de sete participações na competição em seus currículos, e estreantes que terão a oportunidade de velejar na tradicional regata pela primeira vez. No comando do veleiro Amazonas, que levará a bandeira da ANI pela classe RGS, está o capitão Eduardo Zanella, de 46 anos.

Com 24 anos de experiência e um dos membros da equipe que mais vezes velejou em Ilhabela, Eduardo já sabe qual será a estratégia para tirar o melhor rendimento de uma equipe tão variada: “Vai ser uma semana muito técnica, por isso a gente tem expectativa maior sobre a regata de percurso”, explica fazendo referência à mais longa regata do evento, que contornará o arquipélago de Alcatrazes, localizado a 45 quilômetros da costa brasileira.

O desafio em volta das ilhas, chamadas de “Galápagos brasileira”, soma um percurso de 60 milhas náuticas, aproximadamente 111 km. A confirmação do trajeto na programação de Ilhabela foi dada no início desta semana, após a Marinha do Brasil e a Estação Ecológica (ESEC) Tupinambás, vinculada ao Ministério do Meio Ambiente, autorizarem o tráfego náutico na região. O tiro de largada para esta regata será dado no domingo, dia 20.

Ilhabela é a vitrine da vela brasileira no exterior
Além dos velejadores compartilharem suas experiências durante os nove dias de provas, um dos objetivos da equipe da ANI é levar o nome da Semana da Vela de Itajaí para dentro do evento de vela brasileiro mais reconhecido aqui e no exterior. O grupo, que participará da disputa com recursos próprios, levará a bordo o convite da segunda edição da Semana da Vela de Itajaí, confirmada para acontecer em junho do ano que vem. “Essa convivência com o pessoal da região sudeste do Brasil, principalmente do Rio de Janeiro e de São Paulo, vai ser muito importante para que a gente divulgue o que temos feito por aqui”, garante Claudio Copello, presidente da ANI. A estimativa é de quase mil velejadores estarem presentes em Ilhabela vindos de diversos estados brasileiros e do exterior.

Características do veleiro de Itajaí
O Amazonas é um barco projetado pelo engenheiro uruguaio Horácio Carabelli, mas sua formação é totalmente catarinense. O casco foi construído em Biguaçu e o interior, pelo estaleiro Macarini, em Navegantes, com seu formato inspirado no veleiro Lendário II, barco-escola da ANI que durante anos foi utilizado para ensinar a comunidade local sobre a arte da marinharia. Ele tem 21,55 m de comprimento, 5,6 de largura e 2,70 de calado. Esse monstro do mar, que pesa 55 toneladas, competirá entre os veleiros da classe RGS.

Da assessoria

Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: