Pular para o conteúdo

Dongfeng tem problema com objeto flutuante não identificado

Jiru Yang, também conhecido como Wolf (Lobo, em inglês), escreve e-mail para contar das novidades a bordo

Jiru Yang, também conhecido como Wolf (Lobo, em inglês), escreve e-mail para contar das novidades a bordo

A noite deste sábado (18) não foi nada boa para os chineses do Dongfeng Race Team no Oceano Atlântico. O barco, que liderava a primeira etapa da Volvo Ocean Race, ficou quase uma hora parado após bater em um objeto não identificado, resultando na quebra do leme. O violento impacto assustou a tripulação, que foi obrigada a adotar soluções rápidas para voltar a navegar rumo a Cidade do Cabo.

O repórter a bordo Yann Riou relatou o procedimento após o pequeno acidente. “Tínhamos duas opções, colocar um leme provisório de emergência ou retirar o que restou do antigo leme e colocar um novo no lugar. Decidimos pela segunda opção. O Thomas Rouxel colocou a roupa de mergulho e pulou na água para fazer a substituição. Claro que estamos todos decepcionados. Não é justo, mas faz parte”.

Os chineses não foram os únicos que sofreram na madrugada. Team Brunel e Team SCA indicaram também pequenos problemas no curso, como rede de pescas na quilha, por exemplo. Os ventos fracos devem adiar em pelo menos dois dias a chegada a Cidade do Cabo, na África do Sul.

Resultados na manhã desta segunda-feira:

1. Team Brunel

2. Abu Dhabi Ocean Race

3. Dongfeng Race Team

4. Mapfre

5. Team Vestas Wind

6. Team Alvimedica

7. Team SCA

 

Não há comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: