Pular para o conteúdo

Posts com Tag ‘49er FX’

Brasileiros se destacam na fase final das disputas em Palma de Maiorca

Fernanda e Ana estão a seis pontos das líderes

Fernanda e Ana estão a seis pontos das líderes

A quinta-feira foi o primeiro dia da fase final do Trofeo Princesa Sofia e os brasileiros fizeram bonito com quatro velejadores nos top 10. Fernanda Oliveira e Ana Barbachan seguem na segunda colocação da classe 470, enquanto Martine Grael e Kahena Kunze se recuperaram de duas desclassificações na 49er FX e também subiram para a segunda colocação. Bimba, que teve um dia constante com três terceiros e um quarto lugares, está em quarto geral. Bruno Fontes subiu uma posição e está em quinto.

Ainda na Laser, Matheus Dellagnelo está em 36º. Na Finn, Bruno Prada caiu para 26º, enquanto Jorginho Zarif está em 36º. Na 49er, André Fonseca e Francisco Andrade estão em 17º e Marco Grael e Gabriel Borges estão em 42º.

As regatas continuam nesta sexta. No sábado serão disputadas as medal races com apenas os dez primeiros colocados de cada classe.

Martine Grael e Kahena Kunze garantem vaga na equipe olímpica brasileira por antecipação

Nesta sexta-feira serão disputadas as regatas da medalha, mas a dupla já ganhou o campeonato por antecipação e garantiu presença na EBVO 2013

Dupla mostrou em águas cariocas porque é a líder do ranking mundial

Dupla mostrou em águas cariocas porque é a líder do ranking mundial

Rio de Janeiro – Nesta quinta-feira foi disputado no Rio de Janeiro o último dia da fase classificatória da Semana Brasileira de Vela. Após 14 regatas na nova classe olímpica feminina, a 49er FX, Martine Grael e Kahena Kunze com 100% de vitórias entre as meninas, garantiram a presença na Equipe Brasileira de Vela Olímpica – EBVO, em 2013.

Nesta sexta-feira serão disputadas as regatas da medalha – as regatas finais que não podem ser descartadas e contam pontos dobrados – em que participam apenas os melhores de cada uma das nove classes olímpicas presentes no Rio de Janeiro (apenas o novo catamarã olímpico, Nacra 17, não estreou ainda em águas brasileiras). No caso da 49er, com homens e mulheres velejando juntos, serão dez barcos na água para a disputa do pódio final.

“Este último dia foi mais tranquilo, pois o vento estava mais fraco e disputamos três regatas, uma a menos do que fizemos nos outrosdias. Conseguimos alcançar o nosso objetivo que era velejar na frente dos homens do 49er, cometendo a menor quantidade de erros possíveis”, disse uma cansada, mas feliz Martine.

A classe 49er FX conta com apenas três barcos no Brasil e por isso, durante o evento, está sendo disputada junto com o 49er, barco masculino com área vélica e, portanto, velocidade maior. Os líderes gerais são André Fonseca e Francisco Andrade. A dupla do Rio Yacht Club foi sétima nastrês regatas do dia e ocupa a sexta colocação geral e já garantiu o título no feminino.

“Com o vento mais fraco, os homens também acabam errando menos e as mulheres conseguiram velejar mais perto de nós. Mas no geral estamos bastante satisfeitas como nosso resultado”, completa Kahena.

Além dos 49ers, também estão em disputa a RS:X, que tem Patrícia Freitas e o israelense Nimrod Maschiah como líderes; Finn, que Jorge Zarif lidera; Laser Standard, que tem Robert Scheidt em primeiro; Laser Radial, com Adriana Kostiw e Fernanda Decnop empatadas em primeiro; e 470, que tem as duplas gaúchas Fabio Pilar e Samuel Abrecht e Fernanda Oliveira e Ana Barbachan, ambos também já garantidos na EBVO 2013, em primeiro.

Nesta sexta-feira a previsão é que a primeira largada seja dada às 13h. A regata da medalha tem pontuação dobrada e o resultado, somado ao da fase classificatória definirá quem serão os outros integrantes da equipeolímpica brasileira em 2013.

Da Velassessoria

 

Martine Grael e Kahena Kunze seguem invictas na 49er FX no Rio de Janeiro

Martina e Kahena mantiveram os 100% no novo esquife olímpico.

Martina e Kahena mantiveram os 100% no novo esquife olímpico.

Dupla abre 34 pontos para o segunda barco feminino na Semana Brasileira de Vela, evento que define a equipe olímpica em 2013

Rio de Janeiro – Nesta quarta-feira foi disputado no Rio de Janeiro o terceiro dia da Semana Brasileira de Vela. Com mais quatro regatas disputadas entre os esquifes, Martine Grael e Kahena Kunze seguem invictas na 49er FX. Mais uma vez a raia estava localizada bem próxima à ponte Rio – Niterói, para surpresa de motoristas parados no trânsito do final da tarde e que fez com que as meninas passassem mais de cinco horas dentro d’água.

“Apesar de longo, o dia foi bastante produtivo. Conseguimos velejar bem, chegando, inclusive, na frente de algumas tripulações masculinas. Até o último dia queremos melhorar ainda mais e terminar entre os cinco primeiros no geral”, disse Martine.

Como a classe 49er FX é nova no Brasil e a flotilha feminina tem apenas três barcos, as meninas correm na mesma raia que os homens do 49er, barco com área velica maior e, portanto, mais rápido. No total, a flotilha do campeonato conta com 10 barcos e os líderes são os brasileiros André “Bochecha” Fonseca e Francisco Andrade com os dinamarqueses medalhistas de bronze em Londres 2012 agora na vice-liderança.

“Estamos velejando bem, graças ao treino intensivo que temos feito. Dá pra ver que o nosso nível e das outras meninas é bem diferente, algo que prova que estamos no caminho certo”, pondera Kahena.

A competição, que segue até sexta (22/2), definirá quem fará parte da equipe olímpica do Brasil em 2013. Além da 49er FX e do 49er, estão sendo em disputa as classes Laser Standard, na qual Robert Scheidt reina absoluto; Laser Radial, com Adriana Kostiw na liderança; Finn, que tem Jorginho Zarif em primeiro; RS:X, em que o israelense Nimrod Maschiah e a brasileira Patrícia Freitas lideram entre homens e mulheres respectivamente e 470, que tem Fabio Pilar e Samuel Albrecht em primeiro entre os homens e Fernanda Oliveira e Ana Barbachan entre as mulheres.

Da Velassessoria

Semana Brasileira de Vela: Martine Grael e Kahena Kunze seguem na liderança da 49er FX

Segundo dia de competições teve quatro regatas para a classe 49er FX

As meninas lideram o 49er FX e ainda passam os homens do 49er

As meninas lideram o 49er FX e ainda passam os homens do 49er

Rio de Janeiro – A terça-feira de muito sol e calor no Rio de Janeiro viu as disputas do segundo dia de competições da Semana Brasileira de Vela. Martine Grael e Kahena Kunze venceram as quatro regatas do dia da classe 49er FX e seguem na liderança da competição.

A raia das meninas era a mais distante do clube, mais próxima da ponte Rio – Niterói, e o vento de quadrante leste estava na casa dos 12 nós (22 km/h). A Comissão de Regatas quis aproveitar as boas condições erealizou quatro provas, o que deixou as meninas bastante cansadas.

“Passamos cinco horas dentro d’água e isso exigiu um esforço enorme. Chegamos exaustas em terra e tudo o que queremos é descansar um pouco”, disse Martine.

Como a 49er FX ainda está começando e fará sua estreia nas Olimpíadas do Rio 2016, a flotilha feminina do Brasil ainda é pequena e conta com apenas três barcos. Por isso as competidoras da classe velejam na mesma raia que os homens do 49er, algo que anima Martine, líder do ranking mundial na FX.

“Como estamos mais treinadas do que as outras duplas, competir contra os homens vira um desafio. Além de tentar garantir a vaga na equipe, queremos ganhar deles também”, completa a filha do multicampeão Torben Grael.

Na 49er masculino, os líderes são os dinamarqueses Noorregaard e Anders Tomsen. André Fonseca e Francisco Andrade aparecem em segundo. Na Finn, Jorginho Zarif é o líder, com Bruno Prada em seguida. Na RS:X feminina, Patrícia Freitas lidera, com a espanhola Marina Alabau em segundo, enquanto entre os homens o líder é o israelense Nimrod Maschiah, com o brasileiro Ricardo Bimba Winick em segundo.

Na 470 Masculina, Fabio Pilar e Samuel Albrecht estão em primeiro, com Fernanda Oliveira e Ana Barbachan em segundo geral. Renata Decnop e Isabel Swan estão em segundo no feminino. Na Laser, Robert Scheidt é o líder absoluto e Bruno Fontes está em segundo. Entre as meninas do Laser Radial, Adriana Kostiw lidera e Fernanda Decnop é a segunda colocada.

O evento segue até a próxima sexta-feira (22) no Iate Clube do Rio de Janeiro e definirá quem serão os integrantes da equipe olímpica brasileira em 2013.

Fernanda Oliveira e Ana Barbachan e Robert Scheidt brilham no segundo dia da Semana Brasileira de Vela

As meninas venceram as três regatas do dia na 470 e deixam homens para trás. Na Laser, Robert Scheidt segue com 100% de aproveitamento na raia olímpica de 2016

Adriana Kostiw lidera a Laser Radial

Adriana Kostiw lidera a Laser Radial

Rio de Janeiro (RJ) – O segundo dia de regatas da Semana Brasileira de Vela, evento disputado na raia olímpica de 2016, foi marcado por vitórias das mulheres sobre os homens. As regatas na Cidade Maravilhosa foram realizadas com ventos variando de 12 a 15 nós, com mais de 35 graus de temperatura mais uma vez. Na classe 470, a dupla Fernanda Oliveira e Ana Barbachan mostrou que está entrosada e pronta para ser outra vez a representante do País nos Jogos do Rio de Janeiro. A parceira gaúcha venceu as três provas desta terça-feira (19), na Baía de Guanabara, deixando os atletas do masculino para trás.

“O nosso entrosamento fez a diferença em um campeonato difícil como esse. Isso conta muito. A gente se conhece e já sabe o que fazer em cada situação”, disse Ana Barbachan. “Fomos para água para fazer o nosso melhor e as coisas ocorreram naturalmente. Conseguimos largar bem nas regatas e, quando não estávamos na frente, adotamos uma estratégia para superar posição por posição. Nós confiamos no nosso taco,” acrescentou. Na classificação geral, Fernanda Oliveira e Ana Barbachan estão em segundo lugar com 14 pontos perdidos, atrás de Fábio Pillar e Samuel Albrecht, que somam um ponto a menos, e superam quatro parcerias masculinas.

Na Laser, a experiência do maior medalhista olímpico do País fez a diferença. Robert Scheidt segue com 100% de aproveitamento após cruzar em primeiro lugar nas três regatas. O velejador paulista soma apenas cinco pontos perdidos e abriu vantagem de seis pontos para o vice-líder, Bruno Fontes. “Consegui mais um bom desempenho. As regatas estão equilibradas, mas mesmo assim andei na frente. A vantagem pode até ser grande, mas tudo pode acontecer na medal race. Um resultado ruim na última regata pode colocar o campeonato a perder. Por isso, a ideia é seguir com a mesma estratégia dos dois primeiros dias” disse Robert Scheidt. Estão programadas 9 regatas e mais a medal race (regata da medalha) em todas as classes, exceto na 49er e na 49er FX, que terão 14 mais a medal.

Na Laser Radial, Adriana Kostiw segue em primeiro lugar após tirar um terceiro e vencer as duas últimas regatas do dia. Mesmo assim, a diferença para a vice-líder Fernanda Decnop é de apenas um ponto. Confiante, a atleta que representou o Brasil em Londres/2012 promete seguir a mesma estratégia. “Estou bem preparada para mais essa campanha olímpica. Quero continuar na liderança, mas as meninas estão treinando ainda mais. A Olimpíada no Rio de Janeiro puxou todo mundo e o nível da Radial vai subir”, explicou Adriana Kostiw.

Jorginho continua absoluto – Na classe Finn, Jorge Zarif não foi derrotado em nenhuma regata. Venceu as cinco do calendário, deixando o medalhista olímpico Bruno Prada em segundo lugar. Os dois travam uma disputa equilibrada, mas o atleta de 20 anos leva a melhor com o vento de popa. “Estamos treinando juntos e o meu nível aumentou bastante com a ajuda do Bruno Prada. Temos um plano de trabalho em conjunto para que, quem chegar na Olimpíada de 2016, esteja mais bem preparado”, contou Jorge Zarif.

Na 49er, que tem duplas masculinas e femininas na raia competindo em igualdade, os dinamarqueses Allan Norregaard e Aders Thomsen seguem líderes isolados após seis regatas e um descarte. A dupla soma seis pontos perdidos contra 11 dos brasileiro André Fonseca e Francisco Andrade. Na versão feminina, batizada de FX, o melhor desempenho é de Martine Grael e Kahena Kunze.

“Estamos felizes por competir contra os homens. Como as outras duplas femininas não estão treinadas, eles passam a ser um outro desafio a ser batido”, comenta Martine.

Na RS:X, a chamada prancha a vela, velejadores estrangeiros estão na disputa com os brasileiros. No feminino, após quatro regatas, Patrícia Freitas tem 100% de aproveitamento e está na frente da campeã olímpica, a espanhola Marina Alabau. No masculino, Ricardo Winicki Bimba assumiu a segunda colocação após as provas desta terça-feira. A liderança é do israelense Nimrod Maschiah. Os atletas se preparam para o Mundial da categoria, que será em Búzios, no início de março. “Consegui andar bem, apesar do vento, que estava mais fraco do que na segunda. Está tudo muito equilibrado, já que a flotilha anda junta mudando de posição constantemente”, analisou Bimba.

As regatas voltam a ser disputada nesta quarta-feira (20) a partir das 13h no Iate Clube do Rio de Janeiro (ICRJ). A Semana Brasileira de Vela termina na sexta-feira (22) e conta com todas as classes do calendário olímpico de 2016, exceto a Nacra.

Resultados

Laser – após 5 regatas
1- Robert Scheidt – 5 pontos perdidos (1+1+1+1+1)
2- Bruno Fontes – 11 pp (2+2+2+3+2)
3- Bernaz Baptiste – 20 pp (3+5+5+4+3)

Laser Radial – após 5 regatas
1- Adriana Kostiw – 8 pp (2+1+3+1+1)
2- Fernanda Decnop – 9 pp (1+2+1+2+3)
3- Maria Cristina Boabaid – 17 pp (3+3+5+4+2)

470 Masculino – após 5 regatas
1- Fábio Pillar/Samuel Albrecht – 13pp (1+1+2+4+5)
2- Geison Mendes/Gustavo Thiesen – 16 pp (2+2+3+5+4)
3- Francisco Sucari/Francisco Renna (ARG) – 19 pp (3+3+4+3+6)

470 Feminino – após 5 regatas
1- Fernanda Oliveira/Ana Barbachan – 14 pp (5+6+1+1+1)
2- Renata Decnop/Isabel Swan – 20 pp (6+5+5+2+2)

Finn – após 5 regatas 
1- Jorge Zarif – 5 pp (1+1+1+1+1)
2- Bruno Prada – 10 pp (2+2+2+2+2)
3- Fabio Bodra – 19 pp (5+4+3+3+4)

49er – após 7 regatas e 1 descarte
1- Allan Norregaard/Aders Thomsen (DIN) – 6 pp (1+1+1+[5]+1+1+1)
2- André Fonseca/Francisco Andrade – 11 pp ([2]+2+2+1+2+2+2)
3- Dante Bianchi/Thomas Low-Beer – 22 pp (3+5+3+2+[6]+6+3)

49er FX – após 7 regatas e 1 descarte
1- Martine Grael/Kahena Kunze – 31 pp ([7]+6+5+6+4+5+5)
2- Juliana Mota/Stephanie Ferron – 46 pp (9+8+7+7+[11]+7+8)
3- Juliana Senfft/Gabriela Nicolino – 57 pp (8+[11]+11+8+11+9+10)

RS:X Masculino – após 4 regatas
1- Nimrod Maschiah (ISR) – 7 pp (2+2+2+1)
2- Ricardo Santos – 11 pp (3+3+3+2)
3- Byron Kokkalanis (GRE) – 14 (5+5+1+3)

RS:X Feminino – após 4 regatas
1- Patricia Freitas – 4 pp (1+1+1+1)
2- Marina Alabau (ESP) – 8 pp (2+2+2+2)
3- Bruna Martinelli – 14 pp (3+3+3+5)

A Semana Brasileira de Vela é organizada pela Federação de Vela do Rio de Janeiro. O evento tem o apoio do Iate Clube do Rio de Janeiro (ICRJ).

Da ZDL

Martine e Kahena lideram o ranking mundial de 49er FX

As meninas do Brasil voltaram da Flórida com dois títulos e o topo do ranking mundial da nova classe olímpica.

As meninas do Brasil voltaram da Flórida com dois títulos e o topo do ranking mundial da nova classe olímpica.

Dupla brasileira venceu as duas últimas competições internacionais que disputou na nova classe olímpica e já aparece em primeiro lugar no ranking

Rio de Janeiro – A Federação Internacional de Vela – Isaf – divulgou nesta segunda-feira a última atualização do ranking de classes olímpicas. As brasileiras Martine Grael e Kahena Kunze estrearam na lista da classe 49erFX na primeira colocação. O ranking é divulgado a cada dois meses e soma até seis eventos internacionais.

Como a classe 49er FX é nova no programa olímpico, o primeiro ranking havia sido divulgado em dezembro, mas as meninas não apareciam nele por que nem haviam feito ainda alguma competição no barco. Desta vez, a dupla somou os títulos do Norte-Americano e da segunda etapa da Copa do Mundo de Vela, a Miami OCR, disputados nas últimas semanas na Flórida, EUA, fato que fez com que elas já estreassem tão bem.

“O novo ranking mostra que estamos indo pelo caminho certo, porém como nem todas as duplas que irão fazer campanha olímpica para 2016 já estão velejando, não podemos nos empolgar”, disse Martine com os pés no chão.

“Depois de duas vitórias consecutivas, saber que estamos em primeiro na ranking é com certeza um impulso para continuar. Começamos 2013 com o pé direito!”, comemora a proeira Kahena, que junto a Martine havia sido campeã mundial da juventude em 2009 na classe 420.

A dupla chegou dos EUA nesta segunda-feira e já treinafocando a Semana Brasileira de Vela, que será disputada entre os dias 14 e 24 de fevereiro no Iate Clube do Rio de Janeiro. O campeonato definirá quem fará parte da equipe olímpica do Brasil durante este ano.

Da Velassessoria

Brasileiras são campeãs do Miami OCR; Jorginho Zarif também subiu no pódio

Terminou neste sábado em Miami a segunda etapa da Copa do Mundo de Vela. As duplas Fernanda Oliveira e Ana Barbachan, do 470, e Martine Grael e Kahena Kunze, do 49er FX, tiveram o melhor resultado entre os brasileiros, ficando com a medalha de ouro nas suas respectivas classes.

Fernanda e Ana foram segundas colocadas na Medal Race, somando quatro pontos já que a regata tem pontuação dobrada. Com isso elas terminaram a competição com 45 pontos perdidos, 15 a menos que as chinesas Xiaoli Wang e Xufeng Huang, segundas colocadas. Renata Decnop e Isabel Swan terminaram na sexta colocação da mesma classe.

Na 49er FX, Martine e Kahena mostraram porque são favoritas a integrarem a equipe olímpica brasileira, vencendo a segunda competição internacional em duas semanas. Neste sábado elas disputaram uma regata diferente, em formato teatro (chamada de theatre style), mais curta, com área limitada e pontuação diferenciada. Por terem passado a fase classificatória na primeira posição, elas só precisaram administrar a vantagem para subir no lugar mais alto do pódio mais uma vez.

Na classe 49er, o Brasil também teve dois representantes. André Fonseca e Francisco Andrade terminaram na 7ª posição, enquanto Maurício Santa Cruz e Tomas Mangabeira terminaram em 12º.

Na Laser Standard, Bruno Fontes chegou a liderar a competição, porém terminou o evento na 5ª colocação. Nicolas Carabelli foi 55º, ficando na flotilha prata.

Na Finn, Jorginho Zarif também subiu ao pódio, na terceira colocação. Bruno Prada, que após a saída da Star dos Jogos optou por voltar à sua antiga classe, ficou com o 7º lugar.

Quando voltarem para o Brasil os velejadores terão pela frente o maior desafio do ano: a disputa da Semana Brasileira de Vela. O evento será disputado entre os dias 14 e 24 de fevereiro e servirá como seletiva para a equipe olímpica brasileira.

Brasileiros têm mais um excelente dia no Miami OCR

Oi Bimba! Andando na frente de novo, hein? De Búzios para Miami, non stop. Nosso campeão é vice geral na RS:X na baía de Biscayne.

Oi Bimba! Andando na frente de novo, hein? De Búzios para Miami, non stop. Nosso campeão é vice geral na RS:X na baía de Biscayne.

Nesta quarta-feira os velejadores brasileiros tiveram mais um bom dia de disputas no Miami OCR. Na novíssima classe olímpica, a 49er FX, Martine Grael e Kahena Kunze assumiram a ponta com três regatas quase perfeitas. Na Laser Standard, Bruno Fontes segue também na liderança. Na 470 Fernanda Oliveira e Ana Barbachan também seguem na ponta, com Renata Decnop e Isabel Swan na terceira posição.  Na RS:X masculina, nosso eterno campeão Ricardo “Bimba” Winicki está na vice liderança e na Finn, Jorginho Zarif subiu para terceiro, enquanto Bruno Prada está em quinto. Na 49er, André ‘Bochecha’ Fonseca e Francisco Andrade ocupam também a quinta colocação, enquanto Maurício ‘Santinha’ e Tomas Mangabeira estão em 12º.  Para ver as súmulas completas, clique aqui.

 

Brasileiros lideram segunda etapa da Copa do Mundo de Vela

Renata e Bel estão em terceiro na 470

Renata e Bel estão em terceiro na 470

A segunda etapa da Copa do Mundo de Vela começou há dois dias em Miami. Os velejadores brasileiros têm conquistado bons resultados em cinco das 11 classes. Bruno Fontes lidera na Laser Standard, assim como Fernanda Oliveira e Ana Barbachan na 470. Na mesma classe, Renata Decnop e Isabel Swan ocupam a terceira colocação. Na 49er FX, Martine Grael e Kahena Kunze estão na segunda colocação, enquanto na 49er, André Fonseca e Francisco Andrade estão em 7º e Maurício Santa Cruz e Tomas Mangabeira ocupam a 12ª posição. Na Finn, Bruno Prada é o melhor brasileiro na terceira colocação, enquanto Jorginho Zarif está em 5º. Os resultados completos podem ser vistos aqui.

Com vídeo: Brasileiros são campeões norte-americanos de 49er e 49er FX

Bochecha comemora mais um título ao lado de Francisco

Bochecha comemora mais um título ao lado de Francisco

Terminou neste domingo em Miami o Norte Americano de 49er e 49er FX. As duplas brasileiras André Fonseca e Francisco Rebelo de Andrade e Martine Grael e Kahena Kunze subiram no lugar mais alto do pódio e já se sentem preparadas para a disputa do Miami OCR, que começa dia 26.

Para as meninas do 49er FX o evento marcou a estreia em águas internacionais a bordo do novo barco. Já para Bochecha foi a afirmação de que a dupla com Francisco está dando certo, uma vez que em dezembro passado eles também conquistaram o sul-americano nas águas do Guaíba.

Os resultados completos podem ser vistos clicando aqui.

%d blogueiros gostam disto: