Pular para o conteúdo

Posts com Tag ‘Sail Melbourne’

#ihdeumerda… Barco da Clipper Race que encalhou na África do Sul e teve tripulação evacuada deve ficar fora da regata.

Captura de Tela 2017-11-03 às 06.43.24

Como diria um grande filósofo futebolístico: o barco foi fondo, foi fondo, foi fondo e iu…

Após uma análise cuidadosa da situação e estado do Clipper Race Yacht CV24, o escritório da Clipper Race confirmou que o veleiro está parcialmente submerso depois de ter encalhado no lado oeste da Península do Cabo, na África do Sul, e não fará mais parte na Clipper Race 2017-18, a regata de volta ao mundo para amadores (que pagam uma boa grana para participar).

A equipe do “Greenings” (CV24), havia sido evacuada com segurança depois de ter encalhado aproximadamente às 2140UTC (2340 horas locais) na última terça-feira, 31 de outubro, depois de sair da cidade do Cabo no início do dia para a terceira perna (de 8 totais) da regata de circunavegação.

A decisão foi comunicada ao skipper interino, Andy Woodruff, e as discussões aconteceram também com o skipper oficial, David Hartshorn (que estava se recuperando de uma lesão) e a equipe sobre a futura participação de todos nesta edição da prova.

A segurança do skipper e da tripulação foi a principal preocupação ao longo deste incidente e todos estão bem, já de volta à Cidade do Cabo, e nenhum ferimento foi relatado.

As seguradoras nomearam um técnico que irá ver o barco e, ao receber seu relatório, será tomada uma decisão sobre se a embarcação será recuperada ou não.

Está em andamento uma investigação completa do incidente. Outras atualizações estão disponíveis no site da Clipper Race: www.clipperroundtheworld.com

Race_Viewer_Greenings

Como se pode ver no rastreador da regata, o CV24 “Greenings” se desviou de sua rota e foi de encontro a terra. O porquê ainda é motivo de investigação.

 

49er FX faz sua estreia na Copa do Mundo de Vela já em Melbourne

Fred Hoffmann registrou o treino de Martine e Kahena na Baía de Guanabara

A partir deste final de semana alguns dos melhores velejadores de monotipo do mundo estarão reunidos em Melbourne, Austrália, para a disputa da primeira etapa da Copa do Mundo de Vela. A competição marcará a estreia da classe feminina 49er FX. Apenas sete duplas confirmaram a inscrição, sendo cinco da Austrália, uma da Noruega e uma da Nova Zelândia.

A partir do ano que vem o circuito poderá contar também com mais três duplas, as brasileiras Martine Grael e Kahena Kunze, Juju Senfft e Gabi Nicolino, e Juliana Mota, ainda sem proeira.

%d blogueiros gostam disto: